PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Meia do Lanús explica provocação a Dani Alves: 'Começaram a gritar conosco'

Tomas Belmonte, meio campista do Lanús, provoca Daniel Alves após eliminação do São Paulo - Marcelo Endelli/Getty Images
Tomas Belmonte, meio campista do Lanús, provoca Daniel Alves após eliminação do São Paulo Imagem: Marcelo Endelli/Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/11/2020 16h34

Classificação e Jogos

O meio-campista do Lanús Tomas Belmonte explicou a provocação a Daniel Alves após o time argentino eliminar o São Paulo da Copa Sul-Americana com gol nos acréscimos, ontem, no Morumbi. O Tricolor deu adeus à competição mesmo com a vitória por 4 a 3.


Belmonte disse que houve provocação por parte dos são-paulinos depois que Gabriel Sara anotou o gol que ia garantindo o time de Fernando Diniz na próxima fase. Antes do reinício da partida, chegou a ter um princípio de confusão entre os atletas das duas equipes.

"Quando eles fizeram 4 a 2, começaram a gritar conosco e a comemorar, dizendo para que fizéssemos cera agora, mas também não os entendíamos muito. Foi quando a confusão começou e eu me estranhei justo com Daniel Alves", contou o argentino em entrevista à Radio Colonia.

Depois da partida, já com classificação em mãos, o jogador do Lanús ironizou o camisa 10 do São Paulo. "Deixe ele [Daniel Alves] voltar lá fora [da América do Sul] para jogar", disse em uma live no Instagram feita por seu colega de equipe Leonel Di Placido.

Após a brincadeira, Di Placido publicou uma foto dormindo no avião coberto com a camisa de Daniel Alves.

Uma publicação compartilhada por Leonel Di Placido (@leodiplacido) em

A eliminação do São Paulo na última quarta-feira aconteceu logo depois de uma virada incrível da equipe. O Tricolor perdia por 2 a 1, mas conseguiu reverter o placar para 4 a 2 aos 44 minutos do segundo tempo — resultado que classificaria o time do Morumbi. Aos 47, no entanto, o Lanús fez 4 a 3 e garantiu vaga na próxima fase graças ao critério de gols marcados fora de casa.

São Paulo