PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras anula Atlético-MG, faz 3 a 0 e vence a 4ª seguida com Cebola

Guilherme Piu e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte e São Paulo

02/11/2020 18h51

O Palmeiras anulou e venceu o Atlético-MG por 3 a 0, na tarde de hoje (2), no Allianz Parque. Em uma boa atuação na despedida de Andrey Lopes como técnico interino — o português Abel Ferreira assumirá o cargo na sequência —, a equipe paulista marcou com Raphael Veiga, Rony e Wesley no jogo válido pela 19ª rodada do Brasileirão 2020.

Com o resultado, o Verdão segue na sétima colocação, mas tem 28 pontos. O Galo perde a chance de chegar à liderança e fica em terceiro lugar, com 32, três a menos que o líder Internacional.

Quem foi bem: Andrey Lopes

O estilo adotado por Andrey Lopes, o Cebola, foi decisivo na vitória do Palmeiras sobre o Atlético-MG. No primeiro tempo, a sua equipe marcou pressão, impedindo que o rival criasse chances, e ainda balançou a rede. Na volta do intervalo, ele recuou o time, optando por contra-ataques, o que foi fundamental para a vitória dilatada no Allianz Parque. Inteligente, conseguiu neutralizar as forças do adversário e assegurou o resultado positivo de forma tranquila.

Quem foi mal: Marrony e Nathan

O jovem atacante não conseguiu mostrar muito serviço até pela atuação ruim também dos meias do Galo. A forte marcação palmeirense impediu os avanços ofensivos do Atlético-MG, e Marrony teve atuação bastante apagada. Nathan também, uma das peças importantes para levar o time alvinegro ao ataque, ficou devendo bastante.

Raphael Veiga engata boa sequência pelo Palmeiras

Raphael Veiga engatou uma boa sequência de jogos pelo Palmeiras, sobretudo após a saída de Vanderlei Luxemburgo. Com o interino Andrey Lopes, o Cebola, ele participou dos cinco jogos e marcou três gols. Um dos tentos foi anotado na tarde de hoje (2), diante do Atlético-MG, no Allianz Parque. O meio-campista vive ótimo momento pela equipe. Ele havia marcado contra o Tigre, da Argentina, pela Libertadores, e diante do Red Bull Bragantino, pela Copa do Brasil.

Atuação do Palmeiras

A pedido de Andrey Lopes, o Palmeiras marcou com uma linha muito alta no Allianz Parque, sobretudo no primeiro tempo da partida. Os três homens de ataque — Rony, Luiz Adriano e Wesley — e o meio-campista Raphael Veiga pressionaram a saída de bola do Atlético-MG, evitando que o time de Sampaoli tivesse espaço para criar oportunidades. Os jogadores revezaram no posicionamento e foram felizes na postura adotada. Isso, inclusive, permitiu que o time obtivesse contra-ataques nos 45 minutos iniciais. Após uma pressão na saída de bola do adversário, o mandante abriu o placar com Raphael Veiga. Na volta do intervalo, o Palmeiras abaixou as linhas e passou a atuar nos contra-ataques. Um lance deste tipo foi o suficiente para o time ampliar o marcador com Rony.

Atuação do Atlético-MG

Nos dois tempos o Atlético-MG teve mais posse de bola, mas a forte marcação do Palmeiras tirou muito espaço do Galo, que não conseguiu mostrar aquele ímpeto ofensivo de outrora, justamente pelo posicionamento palmeirense no gramado. Já com 1 a 0 em desfavor, placar do primeiro tempo, O Atlético-MG até voltou melhor para a segunda etapa, com mais intensidade e seguindo também com maior posse de bola. Mas o fato de ter se lançado ao ataque abriu espaços para um time muito bem postado em campo. E dessa forma o Palmeiras impôs, até aqui, a pior derrota desde que Sampaoli assumiu a equipe mineira: 3 a 0. Foram mais dois gols no segundo tempo, Rony e Wesley, que fecharam a conta do Galo, em mais um resultado a ser lamentado por Sampaoli.

Cronologia do jogo

Raphael Veiga abriu o placar do jogo no Allianz Parque, aos 19 minutos primeiro tempo. Após boa jogada coletiva, Zé Rafael encontrou Viña na ponta esquerda. O lateral cruzou, e Veiga apareceu sozinho para balançar a rede de Everson no duelo.

Aos 24 minutos da etapa final, Luiz Adriano saiu em contra-ataque no campo de defesa, passou nas costas de Réver e Júnior Alonso, invadiu a área e rolou para Rony estufar a rede de Everson. Em outro contragolpe, o Palmeiras ampliou o marcador. Zé Rafael saiu nas costas da defesa, invadiu a área e rolou para Wesley deixar a sua marca aos 31 minutos do tempo complementar.

Ficha técnica
Palmeiras 3 x 0 Atlético-MG

Motivo: 19ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 2 de novembro de 2020 (segunda-feira)
Horário: às 17h (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado
Assistentes: Kleber Lucio Gil e Éder Alexandre
VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira
Assistentes do VAR: William Machado Steffen e Thiaggo Americano Labes

Cartão amarelo: Gabriel Menino, Felipe Melo, Andrey Lopes (Palmeiras); Savarino, Jorge Sampaoli (Atlético-MG)

Gol(s): Raphael Veiga, aos 19 minutos do 1º tempo (1-0); Rony, aos 24 minutos do 2º tempo (2-0); Wesley, aos 31 minutos do 2º tempo (3-0)

PALMEIRAS: Weverton; Gabriel Menino, Luan, Gustavo Gómez e Viña; Felipe Melo, Zé Rafael e Raphael Veiga; Rony (Gabriel Verón), Wesley (Danilo) e Luiz Adriano (Willian). Técnico: Andrey Lopes (interino).

ATLÉTICO-MG: Everson; Guga, Réver, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Jair (Alan Franco), Allan e Nathan (Calebe); Savarino, Zaracho (Marquinhos) e Marrony (Eduardo Sasha). Técnico: Jorge Sampaoli.

Futebol