PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ex-técnico do Benfica diz que João Félix será 'referência' no futebol

João Félix comemora gol marcado pelo Atlético contra o Leipzig, na Liga dos Campeões - Julian Finney - UEFA
João Félix comemora gol marcado pelo Atlético contra o Leipzig, na Liga dos Campeões Imagem: Julian Finney - UEFA

Do UOL, em São Paulo

29/10/2020 17h19

Indicado pela UEFA ao prêmio de melhor jogador da segunda rodada da Liga dos Campeões pelo Atlético de Madri, João Félix é apontado por Bruno Lage, ex-treinador do Benfica, como um dos próximos candidatos ao Bola de Ouro.

O português foi um das peças chave na conquista do título português na temporada 2018-2019. Somadas as competições, foram 20 gols em 43 partidas. Em entrevista ao Diário AS, Lage relembrou o início da carreira do jogador em Portugal, e suas expectativas para o futuro do craque.

"Descobri um jogador extremamente talentoso e, depois de conhecê-lo, senti que deveria dar uma chance em alguns jogos. Todo mundo sabe o que aconteceu - o time se reencontrou com seu jogo e sua torcida. Fizemos história graças aos gols, assistências e ao talento de João Félix", contou.

Em 2019, o Atlético de Madrid anunciou a compra de Félix por 126 milhões de euros, uma das contratações mais caras da história do futebol. Segundo o site Transfermarket, ele é o terceiro mais valioso do Campeonato Espanhol (80 milhões de euros), atrás apenas de Messi (112 milhões de euros) e Griezmann (96 milhões de euros).

"João Félix vai ser uma das referências do futebol europeu e mundial", prevê Lage, que evitou comparações com Cristiano Ronaldo. "Não precisamos dizer se vai ser herdeiro ou não. O que Cristiano fez é extraordinário e João tem um longo caminho a percorrer", diz. "Ele já tem a pressão de uma equipe, de 120 milhões, de vencer. Não devemos colocar também a pressão de ser um sucessor".

A atuação brilhante diante do Salzburg foi apontada como um feito que poucos jogadores podem alcançar. "É um grupo de três ou jogadores que conseguem estar em um nível muito alto por muito tempo", avaliou. "Se aos 18 anos conseguiu ser melhor jovem jogador do ano, em pouco tempo poderá ser candidato à Bola de Ouro".

João Félix e o Atlético de Madri voltam a campo no próximo sábado, 31, às 14h30, em partida válida pelo Campeonato Espanhol, contrao Osasuna. Na terça, 3 de noembro, o Lokomotiv Moskou é o adversário na fase de grupos da Liga dos Campeões.

Esporte