PUBLICIDADE
Topo

Copa do Brasil - 2020

Blogueiros: O que explica sucesso dos visitantes na Copa do Brasil?

Corinthians perdeu em casa para o América-MG no primeiro jogo das oitavas - Marcello Zambrana/AGIF
Corinthians perdeu em casa para o América-MG no primeiro jogo das oitavas Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Do UOL, em Santos (SP)

29/10/2020 13h25

Resumo da notícia

  • Colunistas do UOL analisam sucesso dos visitantes na Copa do Brasil
  • Renato Maurício Prado: "A falta de torcida, sem dúvida, nivela o jogo"
  • "Falta de torcida pesa, mas o essencial é o futebol mesmo", diz Juca
  • "Os resultados podem ser considerados normais", opina André Rocha
Classificação e Jogos

Os times visitantes se deram bem nos jogos de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Dos seis confrontos disputados até aqui, quatro deles tiveram os anfitriões derrotados: Athletico 0 x 1 Flamengo, Corinthians 0 x 1 América-MG, Atlético-GO 1 x 2 Internacional e Botafogo 0 x 1 Cuiabá.

O que explica o sucesso dos visitantes na Copa do Brasil? Falta de torcida ou há outros fatores na balança? Fizemos essas perguntas aos colunistas do UOL Esporte. Confira as respostas:

ANDRÉ ROCHA

Flamengo e Inter são dois dos melhores times do país e os adversários, Athletico e Atlético-GO vivem maus momentos, além de serem naturalmente inferiores.

Botafogo sofre com uma crise profunda, com falência batendo a porta, e o Cuiabá mostra sua competitividade na Série B. Assim como o América, que também se aproveitou de um Corinthians "arame liso" em Itaquera.

Santos teve Lucas Verissimo expulso e mudou o jogo contra o Ceará. Ainda assim, o time da Vila poderia ter vencido em casa.

Ou seja, os resultados podem ser considerados normais. Talvez um ou outro pudesse ter interferência anímica da torcida, mas não mudaria as tendências.

Leia o blog do André Rocha.

JUCA KFOURI

Falta de torcida pesa, mas o essencial é o futebol mesmo. O América é mais bem organizado que o Corinthians, como o Cuiabá em relação ao Botafogo; o Inter é muito melhor que o Atlético Goianiense, assim como o Flamengo em relação ao Athletico; São Paulo e Fortaleza se equivalem e o Santos ficou com dez contra o também bem montado Ceará. Me pergunto, por exemplo, se não teria sido até pior ter torcida em Itaquera.

Leia o blog do Juca.

MARCEL RIZZO

Torcida é um dos pontos, sem dúvida. Jogar em um estádio vazio faz diferença, para os dois lados. Mas acho que o calendário apertado devido à pandemia vai transformar os confrontos de torneios eliminatórios mais equilibrados com alguns times, por exemplo, em maratonas maiores do que outros.

Leia o blog do Marcel Rizzo.

MENON

Não há uma explicação única. Flamengo e Inter venceram porque são bem melhores que Furacão e Dragão, respectivamente. O Corinthians perdeu em casa para o América. À primeira vista, parece uma zebra, mas qual é mesmo o grau de confiança que o time passa para a torcida?

Botafogo perdeu em casa para o Cuiabá. Não é uma surpresa, o time anda muito mal. São Paulo e Fortaleza se enfrentaram duas vezes e empataram na casa do adversário, o que demonstra equilíbrio entre eles. Enfim, foram resultados normais.

Leia o blog do Menon.

MILTON NEVES

Sobre os jogos de quarta, normais, mesmo que em casa, as derrotas dos Atléticos Goianiense e Paranaense para Internacional e Flamengo, respectivamente. O empate do Santos também não foi um absurdo, já que o Peixe jogou com um homem a menos no segundo tempo. Preocupante mesmo é o baixíssimo aproveitamento do Corinthians na Neo Química Arena em 2020. Em momentos difíceis a Fiel carrega, sim, o time nas costas. O Alvinegro tem sentido muito a falta de seu 13º jogador (o 12º, claro, é o apito).

Leia o blog do Milton Neves.

PERRONE

A falta de torcida é o principal fator. Mas há um grande equilíbrio entre clubes que ajuda a explicar essa situação.

Leia o blog do Perrone.

RENATO MAURÍCIO PRADO

A falta de torcida, sem dúvida, nivela o jogo entre visitantes e mandantes. E não é só na Copa do Brasil. Já dava pra perceber isso na volta do futebol na Europa, onde a média de vitórias dos times que jogavam fora de casa aumentou consideravelmente.

Leia o blog do Renato Maurício Prado.

RODOLFO RODRIGUES

Acho que os visitantes se mostraram melhores mesmo nesses jogos de terça e quarta. O Cuiabá vem fazendo uma boa campanha na Série B e venceu o fraco time do Botafogo, que briga contra o rebaixamento na Série A. O mesmo aconteceu com o Corinthians, que nada fez contra o América Mineiro e no final levou ainda um gol. Já o Flamengo apenas confirmou sua superioridade sobre o também fraco time do Athletico Paranaense. E o Santos, com um jogador a menos desde os 30 minutos do primeiro tempo, precisou se segurar para não perder para o Ceará, que se fosse um pouco mais agressivo, sairia da Vila com a vitória.

Leia o blog do Rodolfo Rodrigues.