PUBLICIDADE
Topo

Santos

Bastidores: Santos abre "vaquinha" e mira R$ 500 mil para pagar dívidas

Orlando Rollo, presidente do Santos - Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC
Orlando Rollo, presidente do Santos Imagem: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

21/10/2020 13h57

O Santos inaugurou hoje a "Virada Santista" um financiamento coletivo que tem por objetivo arrecadar R$ 500 mil para ajudar o Peixe a pagar dívidas. A plataforma escolhida para a "vaquinha" chegou a sair do ar minutos após o anúncio.

Segundo o Peixe, todos os fundos arrecadados com o financiamento serão revertidos para pagamento de dívidas relacionadas ao bloqueio do clube na Fifa.

Caso o Conselho Deliberativo aprove a proposta do Huachipato (CHI) por Soteldo, o Santos precisará de cerca de R$ 4,3 milhões (774 mil dólares) para pagar o Atletico Nacional (COL) pela contratação de Felipe Aguilar e, assim, conseguir o efetivo desbloqueio na Fifa para poder voltar a registrar jogadores.

Santos