PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Galvão Bueno sobre Felipão no Cruzeiro: 'Grande desafio'

Galvão Bueno, em participação no Seleção SporTV - Reprodução/SporTV
Galvão Bueno, em participação no Seleção SporTV Imagem: Reprodução/SporTV

Do UOL, em São Paulo

15/10/2020 21h24

Classificação e Jogos

Pouco antes do anúncio oficial da contratação do técnico Luiz Felipe Scolari pelo Cruzeiro, o narrador Galvão Bueno e o comentarista Bob Faria debateram o que o clube poderia oferecer ao treinador, durante o programa Seleção SporTV.

"Eu vejo o que o Cruzeiro pode oferecer ao Felipão. Um grande desafio, o Cruzeiro está na zona de rebaixamento para cair para a terceira divisão, vem de dois jogos contra dois times da zona de rebaixamento e não consegue a vitória, um deles em casa. A campanha do Cruzeiro é a pior imaginável, ninguém poderia imaginar, mesmo com os seis pontos, que saiu com menos seis, e é justo que tenha saído com menos seis", disse o narrador.

Pouco antes, Bob Faria disse não acreditar na chegada do técnico pentacampeão mundial com a seleção brasileira em 2002.

"Acho muito difícil, muito difícil. Nós sabemos o custo Felipão, não estou falando só do salário dele, não vai vir por R$ 150 mil, que para o resto do mundo é muito dinheiro, mas no universo desses caras não é nada. O Cruzeiro oferece um projeto, qual projeto? Vai oferecer a Toca da Raposa para ele? Para fazer uma fazenda lá, uma coisa nesse sentido. Estou sendo irônico para dizer que não vejo um tamanho, não vejo o que o Cruzeiro pode oferecer para o Felipão aceitar um desafio além do mais um desafio de três anos, mas como eu disse, não duvido de nada", disse Bob Faria.

O Cruzeiro acertou hoje a contratação de Felipão para a disputa da Série B do Brasileirão. O anúncio foi feito por meio de um vídeo enviado aos sócios da categoria Diamante do clube. O contrato do técnico com o clube vai até dezembro de 2022.

Essa será a segunda passagem de Luiz Felipe Scolari pelo clube mineiro. Felipão foi campeão da Copa Sul Minas pelo clube em 2001 antes de assumir a seleção brasileira.

O último trabalho de Felipão foi no Palmeiras, onde conquistou o título do Campeonato Brasileiro de 2018. Ele foi demitido depois da derrota por 3 a 0 para o Flamengo no Campeonato Brasileiro de 2019.

Futebol