PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Argentina muda tática e dorme em La Paz para encarar altitude da Bolívia

Messi marcou o gol da vitória da Argentina sobre o Equador                              - AGUSTIN MARCARIAN / AFP
Messi marcou o gol da vitória da Argentina sobre o Equador Imagem: AGUSTIN MARCARIAN / AFP

Do UOL, em São Paulo

10/10/2020 16h44

A seleção da Argentina decidiu mudar de estratégia para encarar a altitude de La Paz, no jogo contra a Bolívia pelas Eliminatórias da Copa de 2022. Desta vez, Lionel Messi e toda a equipe irão passar duas noites na capital boliviana para se acostumar com a altura de 3650 metros, em vez de chegar na cidade horas antes da partida, que acontecerá na próxima terça-feira (13).

O objetivo da mudança é atenuar os efeitos da altitude nos jogadores argentinos. A lógica é que com um tempo maior de permanência em La Paz, os atletas elevem o nível de saturação do oxigênio, algo que costuma baixar quando se joga na altura de La Paz, além de deixar os bolivianos em vantagem, já que estão acostumados.

Os jogadores devem embarcar para a Bolívia neste domingo (11), e treinarão no campo do The Strongest um dia antes do jogo.

Nos confrontos anteriores, o time argentino se hospedava e treinava em Santa Cruz de la Sierra, cidade que fica a nível do mar —estratégia que não vinha se mostrando muito eficaz.

Em 2010, nas Eliminatórias para a Copa da África do Sul, a Argentina foi goleada por 6 a 1 pelos bolivianos. O duelo mais recente entre as seleções em La Paz, que aconteceu nas Eliminatórias para a Copa de 2014, também não foi satisfatório para a equipe de Messi, apesar de ter tido um resultado melhor: um empate em 1 a 1.

Futebol