PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Primeiro teste de Tite para Eliminatórias tem Cebolinha, Neymar e Coutinho

Neymar foi desfalque da seleção nos últimos amistosos, em novembro do ano passado, e agora volta à equipe - Lucas Figueiredo/CBF
Neymar foi desfalque da seleção nos últimos amistosos, em novembro do ano passado, e agora volta à equipe Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Gabriel Carneiro

Do UOL, em São Paulo

06/10/2020 17h03

Classificação e Jogos

Com o atacante Richarlison como único desfalque entre os 23 convocados, o técnico Tite esboçou no treino de hoje (6) à tarde, pela primeira vez, a escalação da seleção brasileira para a estreia nas Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar, sexta-feira (9), às 21h30, na Neo Química Arena.

O comandante aproveitou a primeira de três sessões completas de treinamento antes da partida para realizar um trabalho tático em espaço reduzido, dez contra dez. Ele dividiu seus 19 jogadores de linha (mais os jovens Riquelme e Figueiredo, cedidos pelo Vasco para completar as atividades) em dois times e, sem goleiros, fez um treino técnico em que a defesa titular enfrentou o ataque titular com dois toques e foco na construção ofensiva.

Juntando as peças, o time seria assim, dividido em campo no esquema tático 4-2-3-1: Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro e Bruno Guimarães; Éverton Cebolinha, Philippe Coutinho e Neymar; Roberto Firmino.

Além do trio formado por Cebolinha, Coutinho e Neymar, outra surpresa é a escalação de Bruno Guimarães. O volante do Lyon-FRA, capitão da seleção pré-olímpica, foi convocado pela primeira vez por Tite e deverá estrear pela seleção.

Os seis primeiros (a defesa titular) atuaram junto com Riquelme, Everton Ribeiro, Rodrygo e Matheus Cunha (o ataque reserva), enquanto os quatro últimos formaram time com Gabriel Menino, Rodrigo Caio, Felipe, Alex Telles, Fabinho e Douglas Luiz (a defesa reserva).

Este trabalho tático durou mais ou menos 20 minutos e a CBF transmitiu a íntegra em seu canal de vídeos na internet. Depois, a comissão técnica separou defensores e atacantes para trabalhos específicos e liberou alguns jogadores que se apresentaram hoje à delegação e estão mais desgastados. Os auxiliares César Sampaio e Cléber Xavier comandaram o treino sob olhares do técnico Tite.

Os goleiros Ederson, Weverton e Santos fizeram um trabalho separado com o preparador Taffarel e ainda há dúvida sobre quem será o titular, pois Alisson foi cortado por lesão.

A seleção brasileira treina amanhã, às 15h30, e depois embarca para São Paulo. A última atividade antes da estreia será na quinta-feira (8), às 17h30, na Neo Química Arena.

Futebol