PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bastidores: Corinthians crê que resultados imediatos devem acalmar torcida

Cassio, Fagner, Gil e Avelar são alvos de protestos da torcida do Corinthians hoje (6), no CT Joaquim Grava - DANILO FERNANDES/ESTADÃO CONTEÚDO
Cassio, Fagner, Gil e Avelar são alvos de protestos da torcida do Corinthians hoje (6), no CT Joaquim Grava Imagem: DANILO FERNANDES/ESTADÃO CONTEÚDO

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

06/10/2020 18h41

A cúpula do Corinthians entende que o protesto da torcida hoje (6), no CT Joaquim Grava, é normal por conta dos resultados do time em campo. Eles alegam que fora de campo estão organizando o clube, principalmente, com os negócios que devem pagar grande parte da dívida da Neo Química Arena - venda dos naming rights e acordos com Caixa Econômica e Odebecht.

Além disso, os profissionais do clube estão confiantes que resultados positivos dentro de campo devem acontecer de imediato para abafar a crise. O Corinthians volta a campo amanhã (7), às 19h (de Brasília), na Neo Química Arena, onde joga o clássico contra o Santos, válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Futebol