PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Inter abre espaço para negociação de Edenilson, mas quer "ser atendido"

Edenilson pode deixar o Inter e se unir ao Al-Ittihad da Arábia Saudita - Ricardo Duarte/SC Internacional
Edenilson pode deixar o Inter e se unir ao Al-Ittihad da Arábia Saudita Imagem: Ricardo Duarte/SC Internacional

Do UOL, em Porto Alegre

30/09/2020 18h11

A confiança na permanência de Edenilson já não é a mesma no Internacional. Depois de não se mostrar apto a liberar o jogador, o clube já considera a situação e abre espaço para negociação com Al-Ittihad, da Arábia Saudita.

Segundo apurou o UOL Esporte, os árabes fizeram uma primeira investida, recusada pelo Colorado. E uma nova aproximação foi estabelecida nos últimos dias. Edenilson, por sua vez, está inclinado a aceitar a oferta.

Rodrigo Caetano, executivo de futebol do clube, tratou do tema em tom ameno. À Rádio Bandeirantes, o dirigente não foi definitivo e disse que irá considerar o desejo do jogador.

"Por enquanto, ele segue sendo jogador do Inter, não tem nova atualização. Se algo mudar, vamos comunicar, mas no momento ainda não. Sabemos que muitas vezes os clubes do Oriente Médio fazem isso, vão no agente, no atleta. Mas o Edenilson é um jogador que tem uma relação espetacular com todos da diretoria, está há muito tempo no clube, e se tiver algum desejo por parte dele, que esteja atendido o desejo do Inter, vamos sentar e avaliar. Se isso não avançou é porque alguma das partes não foi atendida", disse Caetano.

O tom já não é o mesmo de outros momentos, quando o Colorado simplesmente negava a possibilidade de liberar o jogador. O cenário atual dependerá do que pretende o atleta e também do que o Al-Ittihad estiver disposto a investir.

"Contamos com ele. É um jogador importante tecnicamente, e taticamente fundamental. Mas se o desejo de saída for superior, atendendo as exigências do Inter, vamos analisar. Mas neste momento ainda não", reiterou o executivo.

Com 30 anos, Edenilson é titular do Inter desde sua chegada, em 2017. As atuações pelo clube já o colocaram no radar do técnico Tite para seleção brasileira. No ano passado, o Colorado recusou duas ofertas do Al-Hilal por ele. Seu vínculo atual vai até o fim de 2022.

Internacional