PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Bastidores: Atlético muda prazo para atrasados e ouve cobrança de Sampaoli

Sampaoli fez cobrança à diretoria do Atlético-MG por salários em dia - Fernanda Luz/AGIF
Sampaoli fez cobrança à diretoria do Atlético-MG por salários em dia Imagem: Fernanda Luz/AGIF

Eder Traskini e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte e Santos

29/09/2020 15h24

Em dificuldades financeiras, sobretudo devido à pandemia do novo coronavírus, a diretoria do Atlético-MG informou ao elenco e à comissão técnica de Jorge Sampaoli, na tarde de hoje (29), que vai mudar o prazo para pagamento dos atrasados. Inicialmente previsto para amanhã (30), o clube passou ao grupo que quitará o valor até o fim da próxima semana — já em outubro. A situação se tornou um incômodo para o treinador, que fez cobranças para que os valores sejam pagos em dia. Procurada, a diretoria preferiu não se manifestar sobre o tema.

O UOL Esporte apurou com duas fontes ligadas ao técnico que os atrasos salariais e as mudanças em prazos para pagamentos de salários incomodam o estrangeiro, sobretudo por causa dos jogadores contratados no mercado da bola a seu pedido, como Keno, Junior Alonso e Alan Franco. Ele fez duras cobranças ao departamento de futebol a fim de receber o montante em dia, conforme havia combinado com a cúpula na assinatura do vínculo, em março passado.

Os mineiros devem um pagamento de salário para os atletas na CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) desde 10 de setembro passado, além de premiação e remuneração da comissão técnica de Jorge Sampaoli, que recebe também direitos de imagem.

Atlético-MG