PUBLICIDADE
Topo

Brasileirão - 2020

CBF: Fla só não enfrenta Palmeiras se tiver menos de 13 atletas disponíveis

Do UOL, em São Paulo

24/09/2020 21h15

Classificação e Jogos

O secretário-geral da CBF, Walter Feldman, afirmou hoje que a entidade decidiu adotar o mesmo critério da Uefa para que uma partida aconteça: mínimo de 13 atletas por time. Segundo a CBF, o Flamengo só não enfrentará o Palmeiras, no próximo domingo (27), pelo Brasileirão, se não tiver pelo menos 13 jogadores disponíveis.

"A gente resolveu hoje, em decisão compartilhada com clubes e federações envolvidas no Campeonato Brasileiro Série A, adotar o critério da Uefa. Tendo 13 jogadores em condições, a bola rola e o jogo prossegue. Isso não tem a ver com o Flamengo, mas tem a ver com decisões que se somaram e já tem jurisprudência", disse em entrevista à ESPN.

O Flamengo pediu o adiamento da partida após ver um surto de casos da covid-19 no elenco. O Palmeiras se manifestou contra o adiamento.
"Se tiver plantel suficiente para jogar, irá jogar e não haverá risco. Falo em nome de muitos infectologistas. A contaminação do campo é muito improvável, não deve acontecer em ambiente aberto em contato ligeiro", declarou Weldman.

"No protocolo, se o protocolo for respeitado, o abraço, comemoração, a proximidade em excesso, nada disso deve acontecer. Isso conta na responsabilidade de cada clube. Eu diria que, do ponto de vista dos infectologistas, o que está sendo feito está dentro dos parâmetros aceitáveis. Protocolo tem segurança, espera-se que se respeite. Não dá para comparar jogo com o que tem acontecido em bares, ruas, praias."

"É provável que parte da contaminação relevante vem fora do ambiente esportivo, fora do estádio. Uma parte é controlada pelo futebol. Cada um tem sua vida, é muito difícil acompanhar", finalizou.