PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Dome se irrita com pergunta sobre pressão: "Aqui perde uma e está fora"

Domenec comanda o Flamengo em jogo contra o Barcelona de Guayaquil pela Copa Libertadores 2020 - RODRIGO BUENDIA / POOL / AFP
Domenec comanda o Flamengo em jogo contra o Barcelona de Guayaquil pela Copa Libertadores 2020 Imagem: RODRIGO BUENDIA / POOL / AFP

Do UOL, no Rio de Janeiro

22/09/2020 21h51

Classificação e Jogos

O técnico Domènec Torrent, do Flamengo, fez um agradecimento aos jogadores depois da vitória por 2 a 1 sobre o Barcelona-EQU, mas se incomodou ao ser questionado sobre se o triunfo alivia a sombra da queda.

Dome ressaltou que precisa de tempo e que é impossível criar um estilo próprio de jogo se um treinador no Brasil é demitido após algumas derrotas.

"Jogadores não são máquinas, treinamos juntos 10 dias. Se não há tempo para treinar, como analisar? Klopp não ganhou nada no Liverpool no primeiro ano, mas agora tem uma equipe maravilhosa. Eu não controlo, estou focado em trabalhar duro. Que continuidade? Aqui perde uma partida e está fora, na Europa é diferente. Para mim, perder de 5 a 0 é uma vergonha", disse ele, que completou:

"Pressão não existe para mim, pressão é para a diretoria. Eu não posso controlar isso, não quero perder um segundo do meu trabalho com isso. O que acontece fora eu não posso controlar".

Com o resultado, o Rubro-negro chega aos nove pontos e fica em boa situação para se classificar no Grupo A. O Barcelona, com zero ponto, está eliminado. O Fla volta as atenções para o Brasileiro e volta a jogar pela Libertadores no dia 30 deste mês, quando terá uma "revanche" contra o Del Valle.

Flamengo