PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Confira sete motivos que empolgam o São Paulo para encarar o River Plate

Técnico Fernando Diniz conversa com Hernanes durante treino do São Paulo - Érico Leonan / saopaulofc.net
Técnico Fernando Diniz conversa com Hernanes durante treino do São Paulo Imagem: Érico Leonan / saopaulofc.net

17/09/2020 04h00

Classificação e Jogos

Logo em sua volta à Copa Libertadores, o São Paulo já tem um desafio pela frente. A equipe do técnico Fernando Diniz enfrenta o poderoso River Plate hoje (17), a partir das 19h, no Morumbi. Apesar de o time argentino ser considerado um dos mais fortes do continente (é o atual vice-campeão do torneio), o Tricolor tem motivos para acreditar em um bom resultado. O UOL Esporte listou sete fatos que fazem o torcedor brasileiro acreditar em um triunfo.

Meio ano sem jogar

O River Plate não disputa uma partida oficial desde março, quando iniciou o período de quarentena por causa da pandemia do novo coronavírus. O último duelo oficial foi pela Libertadores, em 11 de março, quando aplicou 8 a 0 no Binacional. Recentemente, o São Paulo, por sua vez, já disputou três jogos pelo Campeonato Paulista e outros dez pelo Brasileirão.

Desfalques

O técnico Marcelo Gallardo não poderá contar com o lateral esquerdo Milton Casco, que testou positivo para a Covid-19. Além dele, o atacante Lucas Pratto, que já defendeu o Tricolor paulista, está lesionado e não será utilizado. Para complicar ainda mais a situação, nos últimos meses, o clube perdeu Nacho Scocco e Juan Fernando Quintero, que deixaram o clube.

Invicto contra argentinos no Morumbi

O São Paulo não sabe o que é perder para argentinos dentro de sua casa pela Copa Libertadores. No total, são 11 partidas, com dez vitórias e um empate. A equipe ganhou o seu primeiro título na competição, em 1992, contra os argentinos do Newell's Old Boys.

Sem perder para o River

O Tricolor também jamais foi superado pelo River Plate na Libertadores. Foram até agora três vitórias brasileiras e um empate.

Bom momento no Brasileirão

O São Paulo ocupa a terceira colocação no nacional, apenas dois pontos atrás do líder Internacional. A equipe de Fernando Diniz tem oscilado, mas obtido bons resultados na competição.

Pablo

O atacante se recuperou de lesão na costela e poderá reforçar o São Paulo na partida de hoje. O camisa 9 treinou com os demais companheiros nesta semana e está apto para ser escalado.

Experiência de Hernanes e juventude de Sara

Quando for necessário cadenciar o jogo, o time conta com a experiência de Hernanes. Aos 35 anos, o jogador já disputou 301 partidas só pelo Tricolor paulista. Já Gabriel Sara está embalado. O jovem de 21 anos balançou as redes duas vezes no clássico com o Santos, pelo Brasileirão, no último fim de semana.

FICHA TÉCNICA:

SÃO PAULO x RIVER PLATE

Data:
17 de setembro de 2020, quinta-feira
Horário: 19 horas (de Brasília)
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Competição: Copa Libertadorres, 3ª rodada
Árbitro: Esteban Ostojich (Uruguai)
Assistentes: Richard Trinidad e Nicolás Taran (ambos do Uruguai)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Igor Vinícius, Diego Costa, Léo Pelé e Reinaldo; Tchê Tchê, Hernanes, Gabriel Sara, Igor Gomes; Pablo e Vítor Bueno. Técnico: Fernando Diniz.

RIVER PLATE: Armani; Montiel, Lucas Martínez, Pinola e Angileri; Enzo Pérez, Julián Alvarez, Ignacio Fernandez e De la Cruz; Matías Suárez e Borré. Técnico: Marcelo Gallardo.

São Paulo