PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians

Cássio desabafa antes de vitória sobre o Bahia: 'Não devemos nada!'

Cássio desabafa antes de jogo conta o Bahia pelo Brasileirão - Reprodução/TV Corinthians
Cássio desabafa antes de jogo conta o Bahia pelo Brasileirão Imagem: Reprodução/TV Corinthians

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/09/2020 21h21

Classificação e Jogos

Um dos melhores em campo na vitória do Corinthians sobre o Bahia, por 3 a 2, o goleiro Cássio recordou, em sua preleção, as ameaças sofridas pelo elenco alvinegro no fim de semana. O camisa 12 afirmou que o grupo "não deve nada a ninguém" e cobrou "vontade" para não deixar a vitória na Neo Química Arena escapar.

"Nós não devemos nada para ninguém! Para ninguém! Sabe quem vai tirar o Corinthians dessa situação, ganhar jogo a jogo, passo a passo? Somos nós. Se errar passe, não tem problema. Só não pode faltar vontade. Todo mundo pagou um preço e passou dificuldade na vida para chegar aqui. É hora de botar dentro de campo, mas todo mundo junto. Hoje não vai escapar! Nós vamos entrar e ganhar essa p****! Aqui quem manda é o Corinthians!", afirmou Cássio em preleção divulgada pela TV Corinthians.

Após o jogo, o arqueiro não escondeu a chateação com o episódio do último domingo, no Aeroporto de Guarulhos, após derrota para o Fluminense. "É um episódio que passou, que não desejo que ninguém passe e que não aconteça em outros clubes".

Já o estreante Xavier - volante de 20 anos vindo da categoria de base alvinegra - aproveitou a reunião após a partida para se declarar ao time de Parque São Jorge. À TV Corinthians, o jovem também destacou a "resposta" para a torcida.

"A gente precisava dessa vitória, precisava dar uma resposta para a fiel. A gente tem raça, sim. A gente tem vontade, sim. A gente vai honrar essa camisa", falou o volante.

"É um sonho enorme o que aconteceu aqui hoje. Eu vim de uma cidade pequena, e poucos sabem, mas eu sempre fui corintiano. Sempre tive vontade de estar aqui. Eu olhava vocês na televisão e imaginava que conseguiria realizar este sonho. Independente de falha, principalmente ali no gol, que foi falha minha, eu me senti muito abraçado pelo grupo todo. Obrigado", contou o jovem, que pediu a palavra ao técnico Dyego Coelho no vestiário.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do publicado no primeiro parágrafo, o Corinthians venceu o Bahia por 3 a 2, e não por 2 a 1. A informação foi corrigida.

Corinthians