PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Juca: É mais complicado o Corinthians sair dessa situação que o Bragantino

Do UOL, em São Paulo

16/09/2020 04h00

O Corinthians volta a jogar hoje (16) contra o Bahia, em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, após sofrer com a pressão de torcedores e tenta sair de uma situação incômoda, já que tem a mesma pontuação do Botafogo, primeiro time da zona de rebaixamento da competição. Além disso, o time ainda não tem um novo técnico e segue comandado pelo interino Dyego Coelho, que assumiu o cargo após a demissão de Tiago Nunes na última sexta-feira (11).

No podcast Posse de Bola #56, Juca Kfouri afirma que a situação do Corinthians é preocupante e que caso o time comece a ter de brigar contra o rebaixamento, será mais difícil se livrar do que para outras equipes, como o Red Bull Bragantino, atual lanterna da competição.

"É angustiante a situação do Corinthians e aí a gente sabe, é mais complicado para o Corinthians sair dessa situação do que para o Bragantino sair da dela. Porque a expectativa em torno do Bragantino é uma, o peso da camisa é outro, é aquela coisa, não é à toa que o Corinthians já tem uma âncora no seu distintivo. Começa a patinar na região movediça, a âncora puxa para baixo e sair é complicado", diz Juca.

"É claro que é cedo, não é hora de fazer previsões catastróficas, botar o terror, mas atenção é bom porque é de pequenino que se torce o pepino", completa.

O jornalista destaca que o Corinthians não tem uma situação financeira estável para se reforçar e também fez apostas erradas em jogadores para a atual temporada, citando o caso do venezuelano Rómulo Otero, além do rendimento do colombiano Víctor Cantillo.

"O Corinthians contratações não pode fazer, as que fez, fez errado. Todo mundo sabia que o Otero é um chuta-chuta, ele pega a bola e chuta, seja de onde for, ele é incapaz de armar uma jogada. E depositou-se no Otero a ideia de que ele fosse um Grande Otero, não é, é um Otero desse tamaninho. O Cantillo revela-se um jogador de personalidade introspectiva, está para dentro, o futebol que ele tem, não tem sido capaz de mostrar", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol