PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Com desfalques novos, Palmeiras põe à prova nova ideia de jogo na Bolívia

Thiago Ferri

Do UOL, em São Paulo

16/09/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Palmeiras não terá dois jogadores importantes para o esquema que tem feito a equipe evoluir, com Lucas Lima aberto pela direita e Luiz Adriano centralizado. O meia foi vetado por um trauma no pé esquerdo, enquanto o centroavante está desgastado. O duelo com o Bolívar (BOL), hoje (16), às 21h30, colocará à prova a ideia de jogo de Vanderlei Luxemburgo.

Quando jogava na Libertadores antes da pausa por conta da pandemia do coronavírus, o Verdão tentava encaixar um esquema com quatro atacantes e sem um armador. Dudu era o protagonista, com liberdade para se revezar por dentro e pelos lados do campo. Rony, Willian e Luiz Adriano completavam o quarteto.

Se aquele 4-2-4 era bastante dependente do camisa 7, o atual 4-3-3 tem em Lucas Lima a principal mudança, e Luiz Adriano como a liderança técnica: é o artilheiro da temporada com 11 gols, sendo seis deles marcados após a pausa. Com a saída de Dudu, Luiz virou o destaque.

Lucas Lima vinha em uma boa sequência graças ao novo posicionamento. Em vez de atuar como um meia clássico, foi deslocado para o lado direito do ataque, com liberdade para se movimentar e criar sem um marcador "fungando no cangote", como explicou o treinador.

Com esta formação, o Palmeiras conseguiu criar mais na sequência contra Red Bull Bragantino, Corinthians e Sport. Para mantê-la, Luxemburgo tem jogadores como Raphael Veiga e Gustavo Scarpa para a vaga de Lucas, e Willian, que já substituiu Luiz Adriano contra o Sport.

Wesley tem sido titular, com Veron como seu substituto — um deles começará o jogo pelo lado esquerdo. Rony e Gabriel Silva completam a lista de opções ofensivas, mas estão atrás neste momento e podem ser opções para o segundo tempo.

Palmeiras