PUBLICIDADE
Topo

Santos

"Juiz atleticano" decide a favor de preparador de Sampaoli contra o Santos

Bruno Cantini/Atlético-MG
Imagem: Bruno Cantini/Atlético-MG

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

15/09/2020 04h00

O juiz Carlos Ney Pereira Gurgel sentenciou o Santos a pagar R$ 538 mil ao preparador físico Marcos Fernandez, da comissão técnica de Jorge Sampaoli - hoje no Atlético-MG. A decisão revoltou o Peixe por dois motivos: o primeiro é que o pedido de Marcos Fernandez é o mesmo dos outros dois membros da comissão, Pablo Fernández e Jorge Desio, ambos perderam para o Alvinegro na Justiça, sendo que Desio recorreu e, mesmo assim, não teve sucesso. O segundo motivo é que Gurgel, como revelou o UOL Esporte, é torcedor do Galo. O juiz já tinha dado ganho de causa a Eduardo Sasha, no pedido de rescisão de contrato, mas voltou atrás e se declarou suspeito após a matéria do UOL Esporte.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Santos