PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Organizada do Bota cobra P. Raul, pede saída de Autuori e promete protesto

Do UOL, no Rio de Janeiro

13/09/2020 23h36

A série de cinco jogos sem vitórias está pesando no Botafogo. Após derrota para o Vasco, a Fúria Jovem do Botafogo realizou postagens nas redes sociais e realizou cobranças - prometeu, inclusive, entrar em ação com protesto. Os principais alvos foram o centroavante Pedro Raul e o técnico Paulo Autuori. No entanto, sobrou também para Kevin, Barrandeguy, Foster e o presidente Nelson Mufarrej.

A torcida fez duas montagens. Na primeira cobrou a demissão de Paulo Autuori. Em seguida, postou uma foto de Pedro Raul pedindo "menos cachaça e mais gols". Sobre o treinador, inclusive, a torcida escreveu um pequeno texto.

"Primeiramente gostaríamos de demonstrar total respeito pelo senhor Paulo Autuori e pelo que ele representa para a nossa história, mas hoje a situação se torna insustentável, temos um treinador que já deixou claro sua posição quanto ao cargo que ocupa, não tem nenhuma vontade de permanecer como técnico e hoje mais nos tira do que nos acrescenta, mais uma vez agradecemos pelos serviços prestados mas está na hora de mudança, queremos mais ATITUDE no dia a dia e agradecemos toda ÉTICA e RESPEITO que foi demonstrada no período que o mesmo se encontrou como treinador", postou a torcida.

De fato, Autuori deixou claro em várias oportunidades que não tem mais o objetivo de ser treinador e espera somente o Botafogo se transformar em empresa para virar dirigente. Inclusive, só aceitou a proposta por se tratar de um pedido do amigo Carlos Augusto Montenegro. Não há previsão de quando haverá a mudança.

Com a derrota, o Botafogo segue com nove pontos na 17ª posição do Campeonato Brasileiro. A próxima partida do Alvinegro será pela Copa do Brasil, na quinta, contra o próprio o Vasco, no Nilton Santos. Pelo Brasileiro, o desafio será contra o Santos, também no Rio de Janeiro.

Botafogo