PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Corinthians demite Tiago Nunes do cargo de treinador

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

11/09/2020 18h51

O Corinthians demitiu o técnico Tiago Nunes no início da noite desta sexta-feira (11). O UOL Esporte havia revelado hoje (11) que o treinador tinha "perdido grupo", único fator que o segurava no comando do time. O técnico Dyego Coelho, da equipe sub-20, comandará o time no duelo contra o Fluminense no próximo domingo (13), às 16h (de Brasília), pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

O treinador caiu após os maus resultados, somando eliminação na Pré-Libertadores e ameaça de rebaixamento no Campeonato Paulista. Por fim, Tiago Nunes ainda chegou a final do Estadual, mas perdeu nos pênaltis para o Palmeiras.

O desempenho do time sem "identidade" em campo desde o retorno do futebol após a paralisação por conta da pandemia, pesou bastante para a demissão. .

No entanto, a diretoria corintiana decidiu pela demissão após descobrir que Tiago Nunes não falava mais a "mesma língua" do elenco.

Os atletas corintianos não apoiavam mais a permanência do treinador no comando da equipe, em um desgaste de relação que se deteriorou nas últimas semanas (veja os detalhes abaixo). E vale ressaltar que o presidente Andrés Sanchez falou publicamente que só demitira o técnico se ele "perdesse o grupo".

A reportagem apurou os motivos da insatisfação do elenco com Tiago Nunes. Um deles o UOL adiantou nesta semana: o fato do excesso de alterações no time. Tiago Nunes não dá sequência a uma mesma formação. Em 26 jogos, ele só repetiu a escalação em sete oportunidades. Na ideia do elenco, o rodízio constante tira a confiança dos jogadores em campo.

Além disso, o discurso de Tiago Nunes internamente e também depois dos jogos era considerado ruim. É consenso entre eles que o treinador transferia responsabilidades, o que desagradou aos principais atletas do elenco.

Confira nota oficial do Corinthians:

A diretoria de futebol do Corinthians comunica o desligamento do técnico Tiago Nunes. Ele assumiu a equipe no início de 2020 e foi vice-campeão Paulista. Em 28 jogos sob seu comando, o Alvinegro venceu 10, empatou 10 e teve oito derrotas.

O Corinthians agradece o profissional pelos serviços prestados desde janeiro, e deseja sucesso na sequência de sua carreira.

Para o jogo contra o Fluminense - domingo (13), às 16h, no Maracanã -, Dyego Coelho, treinador do sub-20, assume a equipe interinamente.

Futebol