PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Emocionado em título do Atlético, volante homenageou o pai, vítima da Covid

Alan Franco foi um dos melhores em campo e um dos mais emocionados após o título - Pedro Souza/Atlético-MG
Alan Franco foi um dos melhores em campo e um dos mais emocionados após o título Imagem: Pedro Souza/Atlético-MG

Do UOL, em Belo Horizonte

31/08/2020 04h00

Classificação e Jogos

Na conquista do Campeonato Mineiro pelo Atlético, após a vitória de 1 a 0 contra o Tombense, o volante Alan Franco chamou atenção dentro e fora de campo. Além de ter sido um dos melhores em campo, o equatoriano se emocionou muito após o apito final. O principal motivo era a perda do pai, que morreu recentemente vítima da Covid-19.

Último reforço a chegar ao Atlético, Alan Franco quase desistiu de vir para o clube no mês de maio, quando ainda negociava com o Galo. Na ocasião, o pai já não estava em boas condições, o que fez o volante de 22 anos reavaliar sua primeira oportunidade de jogar fora do Equador.

Na comemoração do título mineiro, Alan Franco mostrou-se bastante emocionado enquanto recebia o apoio dos companheiros. O jogador ainda segurava uma foto do pai durante a premiação pelo título.

Em sua entrevista, Jorge Sampaoli elogiou o volante, que fez sua melhor partida pelo Galo.

"Foi a melhor partida de Franco desde que ele chegou. Ele passou por muitas coisas difíceis nos últimos tempos e fez um grande jogo. Valorizamos muito isso por ele, tem passado por coisas difíceis", disse o treinador.

Atlético-MG