PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Corneta ao Inter? Renato ganha cachecol em comemoração de título do Grêmio

Gols Grêmio x Caxias

Gols UOL Esporte

Do UOL, em Porto Alegre

30/08/2020 20h08

Renato Gaúcho reviveu hoje (30) uma cena que tem sido rotina em sua passagem atual pelo Grêmio. Ao conceder entrevista coletiva, foi surpreendido pelos jogadores que invadiram a sala de conferências da Arena e deram um banho de isotônico, água, gelo e demais bebidas no comandante para comemorar o título gaúcho. E enquanto se recuperava, ele recebeu um cachecol, colocado no pescoço por Diego Souza, que pode ser uma corneta ao Internacional.

O treinador do tradicional rival, Eduardo Coudet, tem por característica usar um cachecol preto. Em sua passagem por Porto Alegre, nem sempre adotou o estilo, mas a peça de roupa o caracteriza ao longo da carreira.

Renato não colocaria o cachecol, mas Diego Souza adornou o pescoço do treinador enquanto ele se recuperava do banho. Entre sorrisos, o elenco se despediu da sala deixando Portaluppi liberado para falar após a derrota por 2 a 1 para o Caxias, mas a conquista do título gaúcho em razão da vitória por 2 a 0 no jogo de ida.

"A derrota de hoje foi um acidente de trabalho, mas o que vale é o resultado final. O Grêmio perdeu, o Caxias chegou por mérito, é um time muito bom, bem montado, que busca o resultado. Mas nós eliminamos o Internacional, e conquistamos o título. Um tricampeonato 30 anos depois. Mais um recorde, mais uma faixa no peito, mais uma volta olímpica, mais um quadro na parede. Isso é o que vale", disse o treinador.

Portaluppi sublinhou que o resultado valeu mais do que o rendimento da equipe, que sofreu a virada. Na avaliação do treinador, a conquista supera qualquer percalço do caminho.

"O Brasil de 82 foi a maior seleção que eu vi jogar, mas voltou cedo para casa, infelizmente. Às vezes você precisa jogar com o regulamento da competição, precisa ganhar. Eu tenho visto alguns clubes de São Paulo pensarem desta forma. Não dá pra jogar bonito, joga pelo resultado. E no Brasileiro, não no Estadual. No final da história, a partir de hoje vamos começar a ler: campeão gaúcho de 2020 é o Grêmio. Ninguém quer saber o que houve nos 90 minutos. O juiz acabou o jogo, doa a quem doer, o campeão é o Grêmio. Sei que vai ter gente triste, mas vai ter que escrever, ouvir, falar, o Grêmio é tricampeão, e ponto final", salientou Renato.

Foi o sétimo título do Grêmio em quatro anos sob comando do treinador.

"Minha equipe não esteve em seus melhores momentos, principalmente no segundo tempo. Mas o que importa é a volta olímpica. Vencemos o campeonato todo, não só este jogo. Conseguimos uma vantagem em Caxias, hoje saímos na frente e, de repente, sentamos no resultado, na vantagem, fizemos algumas coisas erradas. Mas, isso eu converso com meu grupo", acrescentou Renato.

"Só faz história quem é campeão. Mais uma vez este grupo foi. Não vamos jogar bem todos os jogos, mas queremos conquistar os títulos. Trabalhamos para dar alegrias ao nosso torcedor. Hoje, ficamos tristes pelo estádio vazio, mas nosso torcedor pode se sentir abraçado porque o Grêmio é campeão", finalizou.

Grêmio