PUBLICIDADE
Topo

Santos

Bastidores do dia: Após "vitória" do Santos, Everson vai recorrer na CNRD

Everson comanda o Santos durante clássico contra o Corinthians - Ivan Storti/Santos FC
Everson comanda o Santos durante clássico contra o Corinthians Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

25/08/2020 12h26

O goleiro Everson irá recorrer da decisão da justiça do trabalho que manteve o jogador vinculado ao Santos. Como o processo foi extinto, o goleiro entrará com um novo, desta vez na Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD). A informação foi confirmada ao UOL Esporte por Edson Neto, empresário do jogador.

O juiz Wildner Izzi Pancheri não julgou o mérito do caso, extinguindo o processo com base em uma cláusula do contrato especial de trabalho de Everson com o Santos que elegia a CNRD como único foro que poderia julgar o caso. O Peixe pediu que o processo fosse extinto com base na cláusula e teve o pedido atendido, "vencendo" sem que houvesse o julgamento do mérito.

O estafe do jogador entende que pode vencer o processo e conseguir a rescisão contratual desde que seja julgado o mérito, ou seja, os argumentos do goleiro para pedir a rescisão, tais como atraso nos direitos de imagem, no FGTS e corte salarial de 70% sem anuência dos jogadores.

Santos