PUBLICIDADE
Topo

Futebol

São Paulo faz acordo de rescisão com zagueiro Anderson Martins

Jogador de 32 anos fica livre no mercado da bola após 56 partidas com a camisa do São Paulo - Rubens Chiri/saopaulofc.net
Jogador de 32 anos fica livre no mercado da bola após 56 partidas com a camisa do São Paulo Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Do UOL, em São Paulo

13/08/2020 18h09

Classificação e Jogos

O São Paulo entrou em acordo com o zagueiro Anderson Martins, de 32 anos, para rescisão amigável do contrato que tinha validade até dezembro de 2020. O jogador contratado em 2018 era reserva de Arboleda e Bruno Alves, não estava nos planos do técnico Fernando Diniz para o próximo ano e agora fica livre no mercado da bola.

Em julho, o UOL Esporte informou que Anderson Martins tinha um custo considerado alto pelo clube para um jogador que não é tão utilizado e interessava a outros times, como o Botafogo.

Anderson Martins já confirma a saída do clube: "Hoje está finalizando o meu ciclo no São Paulo Futebol Clube. Foram quase três anos desde a minha chegada. Tenho a total certeza que sempre procurei honrar com o máximo de dedicação, respeito e profissionalismo essa camisa. Portanto, gostaria de agradecer verdadeiramente a oportunidade de ter representado um dos maiores clubes do mundo. Fica aqui registrada minha gratidão a todos os funcionários, companheiros de clube e, principalmente, toda a torcida tricolor", escreveu no Instagram.

Desde 2018, Anderson Martins soma 56 partidas e dois gols marcados pelo São Paulo. Encerrada a passagem, procura a recolocação: "Agora irei em busca de novos desafios, porém eu desejo todo sucesso à instituição."

A rescisão contratual é fruto de um acordo financeiro entre clube e jogador, que abriu mão de valores previstos até o fim do vínculo para buscar um clube em que atue com mais frequência em um contrato mais longo.

Sem Anderson Martins, o elenco do São Paulo passa a contar com os titulares Arboleda e Bruno Alves, além dos jovens Diego Costa e Walce, que se recupera de contusão. Rodrigo, que volta de empréstimo do Portimonense, pode ser reintegrado.

Futebol