PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Juca: "Se o Corinthians fosse campeão, seria o título mais sádico do dérbi"

Do UOL, em São Paulo

11/08/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Corinthians parecia já estar entregue nos minutos derradeiros da decisão do Campeonato Paulista contra o Palmeiras, quando o centroavante Jô conseguiu para empatar e levar a decisão para a decisão dos pênaltis, dando a chance de o clube chegar ao inédito tetracampeonato estadual na era profissional, mas esbarrou nas defesas do goleiro palmeirense Weverton.

No podcast Posse de Bola #46, o jornalista Juca Kfouri afirma que o Corinthians não merecia o título nem chegar ao empate no último sábado (8), embora destaque os méritos de Jô ressaltar que o Palmeiras não apresentou mais nada após ter aberto o placar.

"Claro que o Corinthians lutou, mas o Corinthians não mereceu empatar o jogo. Não mereceu, aquilo foi um aborto, porque futebol é dessas coisas. O Gustavo Gómez fazia uma partida impecável e faz um pênalti absolutamente ridículo, faltando dez segundos para o jogo acabar, um carrinho absolutamente irresponsável, que não tinha por que dar, numa jogada morta, o Jô de costas, e ele faz o pênalti", diz Juca.

"Teria sido, se o Corinthians fosse campeão, o título mais sádico da história do Dérbi Corinthians e Palmeiras, porque realmente era uma coisa desumana com a torcida do Palmeiras, com o Palmeiras, o Corinthians sair lá da casa verde campeão. O Corinthians não fez por empatar 1 a 1, mas o Palmeiras também não fez muito mais do que ganhar de 1 a 0", completa.

Com a perda do título para o rival, Juca afirma que a direção do Corinthians passa agora a ter de lidar com os problemas fora de campo, uma vez que está endividado e no final da gestão do presidente Andrés Sanchez, algo que poderia ter ficado em segundo plano em caso de título.

"O tetra que agora vira treta no Corinthians, porque desnuda a incompetência do senhor Andrés Sanchez. O Corinthians não ganha mais nada esse ano, evidentemente. Vai lutar para fazer um Campeonato Brasileiro com o mínimo de dignidade, e está aí às voltas com essa dívida impagável e com tudo mais", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol