PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Após reforços, Botafogo vê trio 'negociável' e aguarda propostas

Warley, Cícero e Ruan Renato estão fora dos planos do Botafogo, que aguarda propostas para negociar os atletas - Montagem/UOL Vitor Silva/BFR
Warley, Cícero e Ruan Renato estão fora dos planos do Botafogo, que aguarda propostas para negociar os atletas Imagem: Montagem/UOL Vitor Silva/BFR

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

06/08/2020 04h00

O Botafogo se reforçou para o segundo semestre e está com o elenco praticamente definido para a sequência da temporada. A poucos dias do início do Campeonato Brasileiro, o clube iniciará uma segunda etapa no ano. Após análise de desempenho, o Alvinegro definiu três jogadores como fora dos planos e os colocou na lista de negociáveis.

Cícero, Ruan Renato e Warley seguirão no elenco com raríssimas oportunidades até receberem propostas de outros clubes para serem negociados. Eles já foram avisados pela diretoria sobre a situação, mas nem todos enxergam com bons olhos essa possibilidade. O experiente volante é um deles. Ele quer ficar e tentar conseguir seu espaço no elenco, mesmo sabendo das circunstâncias.

Os outros, mais jovens, entendem que precisam jogar com mais frequência e não criariam dificuldades em caso de uma boa proposta. Até o momento ocorreram algumas sondagens. Com exceção de Cícero, os demais atletas têm salários acessíveis para outros times.

O caso mais emblemático é o de Warley. Após se destacar no último Campeonato Brasileiro, pelo CSA, o jogador foi contratado pelo Botafogo, mas não agradou nos treinamentos. A analise da comissão técnica é que a entrega nas atividades não justifica oportunidades em jogos. O Santa Cruz, dono de 50% econômicos do atleta, é uma opção de transferência.

Ruan Renato é uma questão mais técnica, uma vez que é considerado inferior às opções do próprio elenco. Com a contratação de Rafael Foster e com Kanu em alta, o zagueiro está sem espaço no elenco e dificilmente ficará até o fim da temporada.

Cícero, por sua vez, é assunto antigo no Botafogo. Ele está fora dos planos desde o ano passado, assim como Diego Souza, Leo Valência e Joel Carli — todos já deixaram o clube. O volante tem salários considerado alto pelo Alvinegro, que tem encontrado dificuldade de passar o atleta para um novo clube. Ele quer se manter em time grande, mas as propostas recebidas não se encaixam no perfil desejado.

Botafogo