PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Kalou diz que "mente foi incendiada pelo Botafogo" e cita Garrincha

Kalou diz que espera se apresentar ao Botafogo em breve - Reprodução
Kalou diz que espera se apresentar ao Botafogo em breve Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

03/08/2020 08h31

Classificação e Jogos

O atacante marfinense Salomon Kalou disse, em entrevista ao jornal Extra, que sua mente foi incendiada pelo Botafogo e que está animado para se apresentar ao clube brasileiro.

Com a contratação confirmada no início de julho, Kalou disse que espera chegar ao Brasil nas próximas semanas e citou Garrincha, ídolo histórico botafoguense, como uma das referências.

"O Brasil é o país de futebol. E cresci o amando por causa dos jogadores da seleção: Dunga, Kaká, Ronaldo, Ronaldinho, Bebeto, Romário, todos eles. Quando era garoto na África amava esses jogadores e queria jogar como eles... Quando surgiu o interesse do Botafogo, vi que era a oportunidade de estar no país do futebol. Vou jogar no clube onde o Garrincha jogou…", disse.

Ao ser anunciado, Kalou fez sucesso com a torcida do Botafogo por usar a expressão "put fire", uma tradução literal em inglês para o nome do clube. Ele brincou com a situação.

"Sim, Put fire! Minha tradução para Botafogo é "colocar fogo". Então, minha mente foi incendiada e nós vamos colocar fogo juntos. Porque o Botafogo põe fogo!", disse.

Além, da citação a Garrincha, Kalou ainda revelou contato recente com Clarence Seedorf, holandês que recentemente defendeu o Botafogo.

"Sim. Conheci o Seedorf na Holanda. Ele é de lá e eu joguei lá. Então, é claro que perguntei a ele. Seedorf jogou no Botafogo, foi feliz no Brasil e apoia minha decisão. Para mim, será uma boa. Estou ansioso para me apresentar, estar com os outros jogadores, treinar com eles. O contato com a qualidade técnica dos brasileiros será emocionante para mim", disse.

Sem jogar desde novembro, Kalou disse que tem treinado diariamente e acredita em uma rápida adaptação; Porém, a data de sua chegada ainda é incerta.

"Tenho treinado diariamente! Meu último jogo oficial foi em novembro, mas joguei amistosos e jogos-treino. Em termos de condicionamento físico, talvez precise de duas semanas. Como já estou trabalhando com um personal trainer, acho que quando chegar no Brasil já estarei pronto", disse.

"(Devo chegar) talvez até o próximo final da semana, ou início da outra... não posso confirmar ainda. Espero receber o visto europeu por estes dias", completou.

Botafogo