PUBLICIDADE
Topo

CAMPEONATOS

La Liga


La Liga

Após queda, Espanyol pede anulação do rebaixamento no Campeonato Espanhol

Em comunicado oficial, o Espanyol se manifestou hoje contra rebaixamento no Campeonato Espanhol - Maria Jose Segovia/NurPhoto via Getty Images
Em comunicado oficial, o Espanyol se manifestou hoje contra rebaixamento no Campeonato Espanhol Imagem: Maria Jose Segovia/NurPhoto via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

03/08/2020 18h47Atualizada em 03/08/2020 20h03

O Espanyol pediu hoje, por meio de um comunicado oficial, que a temporada 2019/2020 do Campeonato Espanhol não tenha rebaixamento. A justificativa é de que as equipes não competiram em igualdade de condições após a paralisação por causa da pandemia do novo coronavírus.

Como primeiro argumento, o clube ressalta que a última rodada do torneio não pôde ser disputada de maneira unificada, devido à suspensão do Deportivo de La Coruña, que "causou uma situação sem solução fácil porque pode afetar outros times".

O segundo ponto cita a falta de público nos estádios, situação que teria gerado um prejuízo extra ao Espanyol, "por ter enfrentado cinco rivais diretos na luta pela permanência na primeira divisão".

Por fim, o clube fala em uma desvantagem por ser o time com mais casos de jogadores infectados com a covid-19 no campeonato, "com as consequências que a doença deixa por muitas semanas".

Com base nisso, o Espanyol considera que, apesar de o campeonato já ter sido finalizado em 19 de julho, "as situações que ocorreram são irremediavelmente injustas em termos esportivos".

Ao final, o time alerta que "o impacto econômico da covid-19 se estenderá para a temporada 20-21", o que somado ao rebaixamento será uma "punição devastadora e injusta para os afetados".

O clube diz entender que, em uma situação causada por uma pandemia global, "pode ser compreensível que uma série de situações seja recompensada diretamente (campeão da liga, classificações para competições europeias, promoção...), mas é completamente inaceitável que os mais danificados sejam punidos ou penalizados duas vezes".

La Liga