PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Casagrande vê Paolo Guerrero melhor que Suárez e Cavani

Paolo Guerrero e Thiago Galhardo comemoram gol do Internacional contra o Esportivo pelo campeonato Gaucho - Fernando Alves/AGIF
Paolo Guerrero e Thiago Galhardo comemoram gol do Internacional contra o Esportivo pelo campeonato Gaucho Imagem: Fernando Alves/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/08/2020 23h50

O fator de desequilíbrio na final do segundo turno do Campeonato Gaúcho - entre Grêmio e Inter -, na opinião de Casagrande, pode ser Paolo Guerrero - que ele considera o melhor centroavante da América do Sul. Casão fez questão de enfatizar sua opinião citando os nomes de outros atacantes badalados do nosso continente: os uruguaios Luis Suárez e Edinson Cavani.

"Pra mim, o Guerrero é o melhor centroavante da América do Sul. É melhor que o Gabigol. O Gabigol está se tornando grande agora. O Guerrero levou a seleção do Peru para uma Copa do Mundo. A seleção do Peru vive nas costas do Guerrero e é uma geração que foi para uma Copa do Mundo depois de muito tempo. Acho ele melhor que o Suárez e que o Cavani. Acho ele mais técnico, mais centroavante, mais de área. Estamos falando de área. Ele é o mais centroavante da América do Sul", declarou Casagrande em participação no Bem, Amigos!, do SporTV, hoje.

Contra o Grêmio, Guerrero ainda não marcou atuando pelo Inter. Casão acredita que o peruano esteja usando a estratégia errada contra uma das melhores duplas de defesa do Brasil nos clássicos.

"Talvez a estratégia do Guerrero contra o Grêmio esteja errada. Se jogar só bola contra o Geromel e o Kannemann, eles vão te engolir. Às vezes você tem que ir pra guerra porque na guerra você iguala. Eu sempre pensei dessa maneira. Eu jogava de um jeito contra o Palmeiras e contra o São Paulo. Não dá pra jogar igual contra marcadores diferentes", complementou.

UOL Esporte vê TV