PUBLICIDADE
Topo

Mirassol é exemplo? Novo Hamburgo recorda 2017 para tentar vencer o Grêmio

RICHARD DUCKER/ESTADÃO CONTEÚDO
Imagem: RICHARD DUCKER/ESTADÃO CONTEÚDO

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

02/08/2020 04h00

Classificação e Jogos

A classificação do Mirassol diante do São Paulo, com reforços contratados às pressas, roubou a cena no futebol brasileiro durante a semana. Mas o Novo Hamburgo, que enfrenta o Grêmio hoje (2), nem busca inspiração no Campeonato Paulista. O clube do Vale do Sinos lembra de 2017 para acreditar em uma 'zebra' no Gauchão.

Grêmio e Novo Hamburgo se enfrentam pela semifinal do returno, na Arena do Grêmio, às 19h (horário de Brasília). O vencedor do duelo pega o ganhador de Inter e Esportivo na final.

Márcio Nunes, técnico do Novo Hamburgo, que encara o Grêmio na semifinal do returno do Gauchão - João Goularte/DVG/Novo Hamburgo - João Goularte/DVG/Novo Hamburgo
Imagem: João Goularte/DVG/Novo Hamburgo

Há três anos, o 'Nóia' eliminou o Grêmio nos pênaltis na semifinal e, mais tarde, venceu o Inter. Um título do Campeonato Gaúcho para clube do interior depois de 17 anos.

"A nossa maior motivação é o próprio Novo Hamburgo. O clube tem respeito e camisa forte no estado, foi campeão gaúcho de 2017. Passo a eles que podemos entrar para a história de novo. E é possível", disse Márcio Nunes, treinador do Novo Hamburgo, ao UOL Esporte.

Aos 39 anos, Nunes chegou ao Novo Hamburgo em 12 de julho. Sim, 10 dias antes da retomada do Gauchão.

"A gente sabe que o nível técnico também é grande, lá no Campeonato Paulista", disse o treinador ao falar sobre as zebras de Mirassol e Ponte Preta contra São Paulo e Ponte Preta. "Não vejo vantagem, a falta de ritmo (de jogo em Grêmio e Inter), até porque a dupla Gre-Nal começou trabalhos bem antes dos outros clubes. Nós, do Novo Hamburgo, trabalhamos por 10 dias. Se tem alguém prejudicado pela parada, é o Novo Hamburgo", apontou.

O Novo Hamburgo empatou duas partidas —contra Aimoré e Grêmio, e venceu o São José-POA por 1 a 0 nas partidas após retomada do estadual. O jogo diante do próximo rival foi na última rodada da fase de classificação, mas serve muito pouco como estudo do rival.

O Grêmio usou reservas e, principalmente, entrou em campo já classificado. A estratégia esperada é completamente diferente para a semifinal.

"Imagino um jogo extremamente difícil, com o Grêmio impondo o ritmo de jogo e por ser uma semifinal. Vão impor o ritmo de jogo deles, mas precisamos estar preparados", apontou Nunes. "Não podemos descuidar de todo o time. É um grupo vencedor, exige o máximo de atenção de qualquer equipe", completou.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO X NOVO HAMBURGO

Data e hora: 02/08/2020 (Domingo), às 19h (de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Daniel Nobre Bins
Assistentes: Tiago Augusto Diel e Maíra Moreira
GRÊMIO: Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann e Guilherme Guedes; Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Jean Pyerre e Everton; Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho.
Novo Hamburgo: Jaccson; Gian Costa, Diego Ivo (Kesley), Moisés e Zé Mário; Chicão, Bertotto e William Schuster (Mossoró); Matheus Lagoa, Juba e Kayron. Técnico: Márcio Nunes.

Futebol