PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Quinta força? Corinthians repete discurso de 2017 e cresce na luta do tetra

Jô marcou o segundo gol do Corinthians na vitória sobre o Red Bull Bragantino pelas quartas do Paulistão 2020 - Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Jô marcou o segundo gol do Corinthians na vitória sobre o Red Bull Bragantino pelas quartas do Paulistão 2020 Imagem: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Diego Salgado

Do UOL, em Sâo Paulo

31/07/2020 04h00

Classificação e Jogos

De quase eliminado a candidato ao título do Paulistão. A ascensão do Corinthians marcada pela vitória por 2 a 0 sobre o Red Bull Bragantino ontem (30), no Morumbi, fez o clube alvinegro flertar com o discurso de 2017, quando era apontado com a quarta força do estado.

As declarações do presidente Andrés Sanchez e do atacante Jô acontecem em meio a uma ascensão do Corinthians no Estadual. A equipe do técnico Tiago Nunes venceu os últimos três jogos e chega às semifinais sem sofrer gols após a retomada do campeonato. O adversário será o Mirassol, em Itaquera. Os corintianos lutam por um inédito tetra paulista em sua história, feito alcançado apenas pelo Paulistano em 1919.

Autor do segundo gol do triunfo sobre o melhor time da primeira fase, Jô voltou a falar no mesmo tom de 2017, ressaltando o discurso de "jogo a jogo", como foi feito na campanha do título brasileiro daquele ano.

Após o jogo de ontem, o centroavante, que marcou 25 gols naquela temporada, disse que "agora são três passinhos para alcançar o título tão desejado". Mesmo fora de forma e com um longo caminho a percorrer, Jô mostrou que pode ser importante novamente, seja pelo oportunismo ou nas jogadas de pivô, assim como fez em 2017.


Depois da vitória, Andrés Sanchez foi mais incisivo no resgate ao discurso de três anos atrás. "Quinta força. Disseram até que ia ser rebaixado. Agora estamos aí, time encaixando e a camisa pesando. Faltam três jogos", escreveu o mandatário.

O próprio estilo de jogo tem similaridades àquele implantado por Fábio Carille. Com solidez defensiva, o time voltou a se organizar a partir do setor de trás para depois tentar evoluir ofensivamente.

"Foi uma partida consistente e equilibrada, a equipe se portou bem em todos os aspectos do jogo, conseguiu ter uma organização defensiva compacta e neutralizar as principais armas do adversário. Jogo consistente, que nos dá confiança para manter a evolução na competição", disse Tiago Nunes em entrevista após o jogo.

A semifinal entre Corinthians e Mirassol será disputada em jogo único no fim de semana. Palmeiras e Ponte Preta farão a outra partida da fase. A decisão estadual acontecerá em dois jogos, na quarta-feira que vem (5) e no sábado seguinte (8).

Corinthians