PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Como Jô e Cantillo podem acelerar revolução de Tiago Nunes no Corinthians

Tiago Nunes, técnico do Corinthians, durante partida contra o Oeste, no último domingo - Rodrigo Coca
Tiago Nunes, técnico do Corinthians, durante partida contra o Oeste, no último domingo Imagem: Rodrigo Coca

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

28/07/2020 04h00

O Corinthians contará com o atacante Jô e o volante Victor Cantillo para o duelo contra o Red Bull Bragantino, nesta quinta-feira (30), às 19h (de Brasília), no Morumbi, pelas quartas de final do Campeonato Paulista 2020. Os dois "reforços de peso" animam o torcedor que sonha com o inédito tetracampeonato paulista.

A esperança do corintiano é que a dupla, enfim, comande a revolução tática prometida pelo técnico Tiago Nunes. O Corinthians venceu os dois últimos jogos (1 a 0 contra o Palmeiras e 2 a 0 diante do Oeste), mas criou poucas jogadas de gol e não conseguiu ser ofensivo. O segundo tempo contra o Palmeiras, aliás, lembrou os tempos do "ferrolho defensivo" de Fábio Carille, ex-técnico do Timão.

Tiago Nunes ainda está longe de concretizar a "mudança de cultura", como ele gosta de dizer, em relação ao seu projeto para o futebol do Alvinegro. O próprio treinador alega que essa transformação (deixar o futebol defensivo e jogar bonito) depende de um entrosamento de mais de 40 jogos.

Segundo estatísticas do SofaEscore, o Corinthians só finalizou sete vezes de forma correta no gol nos últimos dois jogos (Palmeiras e Oeste). Foram 13 finalizações no total.

"Estamos em processo de evolução, maturação, mudança de cultura e filosofia. Isso leva tempo. Demora cerca de 40 jogos para mudar uma cultura de anos no futebol. Leva tempo, o futebol é de resultados, as pessoas esquecem rápido o que se fala", disse Tiago Nunes.

Agora, Tiago Nunes disputará o duelo decisivo do Paulistão com dois reforços que podem deixar o time mais criativo. Cantillo é um organizar de jogadas e que a bola sempre passa por ele no meio-campo: era assim no Junior Barranquilla-COL e no início de Corinthians antes da pandemia.

Jô também será titular contra o Red Bull e pode melhorar a qualidade técnica do setor ofensivo. Nos dois últimos jogos, Tiago Nunes viu a dupla Boselli e Everaldo bastante inoperante. O argentino, aliás, fraturou a face, passou por procedimento cirúrgico e está fora do jogo. Everaldo, com lesão na coxa esquerda, é dúvida.

Tiago Nunes ainda pode contar com Éderson para deixar o time mais criativo e ofensivo. O ex-volante do Cruzeiro mostrou qualidade nos dois jogos, fez um belo gol ao fechar o placar contra o Oeste e virou uma esperança para que Tiago Nunes acerte o time taticamente e tecnicamente.

Futebol