PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após surto, jogador da segundona espanhola é hospitalizado com covid-19

Jogadores do Fuenlabrada isolados em hotel em La Coruña, Espanha - Jose Manuel Alvarez/Quality Sport Images/Getty Images
Jogadores do Fuenlabrada isolados em hotel em La Coruña, Espanha Imagem: Jose Manuel Alvarez/Quality Sport Images/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

25/07/2020 12h49

O Fuenlabrada, clube da segunda divisão espanhola, vive a situação mais complicada entre os clubes europeus desde a retomada do futebol no velho continente. Após descobrir um surto da doença em seu elenco poucas horas antes de entrar em campo contra o Deportivo La Coruña pela última rodada de sua liga, o clube da região metropolitana de Madrid detectou 12 novos casos em sua delegação nas últimas 24 horas e alcançou a marca de 28 contaminados.

Um deles, cuja identidade foi preservada pelo Fuenlabrada e autoridades, foi internado em um hospital de A Coruña na manhã da última sexta (25). No entanto, seu estado de saúde é estável e não grave.

A repercussão do caso causou um verdadeiro terremoto entre as autoridades esportivas espanholas. Segundo o Conselho Superior de Esportes, uma espécie de ministério do esporte da Espanha, a Liga e o Fuenlabrada foram irresponsáveis ao realizar a viagem para a Galiza quando já sabiam que quatro casos positivos haviam sido detectados no elenco, o que já se configuraria um surto. Já a Liga e o clube se defendem dizendo que seguiram todas as determinações do protocolo: "de maneira que se realizaram sem problemas mais de 40 mil testes e assim se disputaram mais de 200 partidas".

O jogo entre Deportivo La Coruña e Fuenlabrada é o único que ainda falta ser disputado na segunda divisão espanhola (antes do play-off de acesso). Por conta dos demais resultados, a ex-equipe de Bebeto e Djalminha já se encontra rebaixada, enquanto o Fuenla necessita apenas de um empate para se classificar às eliminatórias pelo acesso à primeira divisão do Espanhol.

Futebol