PUBLICIDADE
Topo

Campello fornece dados e Junta cogita votação da reforma do Vasco dia 25/8

Roberto Monteiro (e) e Alexandre Campello (d) são uns dos integrantes da Junta Deliberativa do Vasco - Paulo Fernandes / Flickr do Vasco
Roberto Monteiro (e) e Alexandre Campello (d) são uns dos integrantes da Junta Deliberativa do Vasco Imagem: Paulo Fernandes / Flickr do Vasco

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/07/2020 17h59

A Junta Deliberativa do Vasco teve mais uma reunião hoje (24) e a avaliação foi positiva. O presidente do clube, Alexandre Campello, aparentemente forneceu os dados sugeridos e os dirigentes avançaram para uma convocação da Assembleia Geral Extraordinária que votará a reforma do estatuto e as eleições diretas.

Os presidentes de poderes definiram uma nova reunião para o próximo dia 29 já com o intuito de fechar a lista de sócios aptos a voto. Além disso, a data de 25 de agosto foi a sugerida para a realização do pleito, embora ainda não esteja oficializada.

A Junta agora irá se debruçar sobre as fichas financeiras e todos os detalhes dos associados para estabelecer quem poderá votar. Tais dados foram entregues por Campello ontem (23) à noite.

Ainda não está definido, porém, se a proposta da eleição direta será votada junta ou separada da reforma do estatuto, como deseja o presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro. Uma reunião virtual do órgão acontecerá na próxima terça-feira (28) para se conhecer a redação final do assunto.

A Junta Deliberativa do Vasco tem o objetivo de montar a lista de sócios aptos a votar e é formada pelos presidentes dos poderes do clube: Alexandre Campello (Diretoria Administrativa), Roberto Monteiro (Conselho Deliberativo), Edmilson Valentim (Conselho Fiscal), Silvio Godói (Conselho de Beneméritos) e Faues Jassus (Assembleia Geral).

Vasco