PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Coudet reclama do gramado após derrota do Inter no clássico: "Horrível"

Eduardo Coudet, técnico do Inter, durante clássico contra o Grêmio - Ricardo Duarte/SC Internacional
Eduardo Coudet, técnico do Inter, durante clássico contra o Grêmio Imagem: Ricardo Duarte/SC Internacional

Do UOL, em Porto Alegre

23/07/2020 00h19

Eduardo Coudet, técnico do Inter, reclamou do campo do estádio Centenário após a derrota de sua equipe por 1 a 0 para o Grêmio, hoje, pela quarta rodada do returno do Gauchão. Segundo o técnico, o gramado prejudicou os dois times e o Tricolor teve melhor sorte.

"Eu entendo que nos falta ritmo de jogo. Mas foi a partida que esperávamos. Num campo de jogo horrível não tem como sair uma boa partida. O jogo em si, não gostei do tipo de espetáculo que tivemos. Mas viemos aqui e a sorte esteve do lado deles. Só poderia ser um jogo de um gol", disse.

De fato, muitos erros de passe ocorreram em razão do campo. Movimentos irregulares geraram erros de domínio e tanto Inter quanto Grêmio pouco criaram.

"A partida foi ruim tecnicamente, pelas circunstâncias. Se vamos pensar, creio que o Grêmio também não teve muitas chances. Foi o gol e o pênalti. Nós também tivemos uma ou duas conclusões de bola parada. É assim num campo com este. Sempre existe isso. Me parece que não só o Inter, mas o Grêmio também é um time que gosta de jogar. E ter um espetáculo assim é uma pena", completou.

Sem conseguir entrar na defesa gremista, Coudet terminou o jogo com Rodrigo Moledo no ataque tentando ajudar Guerrero em cruzamentos. Não deu certo e o Colorado acabou derrotado.

"Era muito difícil jogar por baixo. Era complicado. Faltava cinco minutos e obviamente queríamos empatar. Tentamos disputar uma bola alta na área do Grêmio. Não daria para tentar uma jogada limpa ou associada. Cruzamos, tentamos mais um cabeceador. Vamos concordar que não foi um bom espetáculo. Não se pode jogar num campo assim, a bola não corre de forma natural, é muito diferente do campo que estamos acostumados", finalizou.

Internacional