PUBLICIDADE
Topo

Rubro-negros elogiam Odair após vice do Flu: "Um dos 5 melhores do Brasil"

Odair Hellmann foi elogiado por rivais após vice do Fluminense no Campeonato Carioca - Lucas Merçon/Fluminense FC
Odair Hellmann foi elogiado por rivais após vice do Fluminense no Campeonato Carioca Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Caio Blois e Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

16/07/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Fluminense lutou, mas acabou derrotado nas duas partidas da final do Campeonato Carioca. E do arquirrival Flamengo, que levantou a taça do Estadual, o Tricolor recebeu elogios pelo nível de exigência. Principalmente o técnico Odair Hellmann, que para o vice de futebol rubro-negro Marcos Braz é um dos melhores técnicos brasileiros da atualidade.

"Odair [Hellmann] está entre os cinco melhores treinadores brasileiros. E fácil. As pessoas têm que entender que Fla-Flu é tradição. O Fluminense armou muito bem seu time. O Paulo [Angioni] está de parabéns pelo trabalho na montagem do elenco, que exigiu muito do Flamengo. Nosso time não foi bem nos outros jogos. Mas nós não podemos minimizar a tradição do Fluminense e o que esse clássico representa", afirmou o dirigente.

Já no estacionamento do Maracanã após o jogo, Odair e também Mario Bittencourt abraçaram Braz e o felicitaram pela conquista. Em resposta, o rubro-negro elogiou o mandatário tricolor e destacou o treinador mais uma vez: "Estava te elogiando. Está de parabéns pelo trabalho. Vai longe", disse.

Não foi só nos bastidores que o técnico foi exaltado. Dentro de campo, atletas jovens e experientes parabenizaram Odair pelo trabalho e os adversários tricolores pelo empenho.

Apesar do clima de provocação antes e durante os três clássicos decisivos em uma semana, os dois elencos se cumprimentaram cordialmente após a partida. Após o apito final, o treinador do Flu conversou por alguns minutos abraçado a Jorge Jesus, e os dois trocaram elogios. O português, apesar das declarações públicas contrárias ao estilo de jogo, reconheceu o nível de exigência que o Tricolor obrigou o Fla a ter.

"Parabéns ao Flamengo e também ao rival. Competente, nos obrigou a jogar dentro dos nossos limites. Faltou criatividade na nossa primeira linha ofensiva. Mérito da equipe deles também", destacou Jesus à FlaTV.

O resultado não foi o esperado — e o Flu acumula seis jogos sem vencer desde o retorno do futebol —, mas o saldo, não só sobre o comandante, é positivo. Contestado por torcedores mas muito bem avaliado internamente, o técnico terá, enfim, tempo para trabalhar até agosto, quando a equipe voltará à disputa da Copa do Brasil e começará a jogar pelo Campeonato Brasileiro.

No vestiário, o clima triste teve também afagos e um discurso uníssono de que a equipe está no caminho certo para os embates que terá pela frente em 2020. Dirigentes, jogadores e membros da comissão técnica destacaram que o Fluminense, apesar do vice-campeonato, saiu do Carioca muito mais forte como equipe.

O contrato de Odair Hellmann é até o fim do ano e provavelmente será prolongado até o encerramento do Brasileirão, que será apenas em 2021. Nas Laranjeiras e no CT Carlos Castilho, uma mudança de curso não é nem cogitada e a ideia é manter o ex-volante tricolor por ainda mais tempo no clube.

Fluminense