PUBLICIDADE
Topo

Corinthians descarta volta de Pedrinho e já espera R$ 25 milhões em agosto

Pedrinho, ex-meia do Corinthians, hoje pertence ao Benfica, de Portugal - Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Pedrinho, ex-meia do Corinthians, hoje pertence ao Benfica, de Portugal Imagem: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

16/07/2020 04h00

O Corinthians não teme que o Benfica devolva o meia Pedrinho após o clube paulista recuar na compra definitiva do atacante Yony González e confirmar a devolução do colombiano aos portugueses. Os rumores de uma possível "retaliação" do time de Lisboa começaram entre os torcedores e chegaram aos bastidores do clube de Parque São Jorge.

A cúpula corintiana alega que o contrato entre Corinthians, Benfica e Pedrinho está assinado por todas as partes e, por isso, não há a menor possibilidade de o clube português desistir da contratação do prata da casa do Timão.

Segundo apurou o UOL Esporte, o Corinthians, inclusive, já espera o pagamento da primeira parcela em agosto. Pedrinho foi negociado por 20 milhões de euros (cerca de R$ 122,5 milhões), mas os portugueses pagarão o jogador em cinco parcelas. Sendo assim, o Alvinegro receberá 4 milhões de euros (cerca de R$ 25 milhões) no próximo mês.

Aliás, a negociação de Pedrinho deve reforçar os cofres do Corinthians ainda este mês. Isso porque o Timão antecipou parte do valor da primeira parcela com um fundo de investimentos.

Parte do dinheiro será utilizada para pagar o atraso salarial do elenco. O Corinthians deve três meses de salário, mas não teme debandada do elenco na Justiça. Isso porque a diretoria prometeu aos atletas que quitará a dívida à vista até o fim deste mês.

Vale lembrar que o clube pagará o ordenado com redução de 25% por conta da pandemia do novo coronavírus.

Futebol