PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro: Conselheiro aprova alienação de imóvel para pagar dívida na Fifa

Paulo César Pedrosa, presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro, aprova alienação de imóvel para pagar dívida na Fifa - Gustavo Aleixo/Divulgação/Cruzeiro
Paulo César Pedrosa, presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro, aprova alienação de imóvel para pagar dívida na Fifa Imagem: Gustavo Aleixo/Divulgação/Cruzeiro

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

15/07/2020 04h00

Paulo César Marcondes Pedrosa, presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro, é favorável à proposta de alienação do imóvel conhecido como Campestre 2 para o pagamento de uma dívida na Fifa.

O dirigente deixou clara a sua posição sobre o tema para os demais companheiros de diretoria da pasta e informou que irá se posicionar da mesma forma com os demais conselheiros.

"Vejo com bons olhos a proposta do presidente-executivo [Sérgio Santos Rodrigues]. Sou amplamente favorável à venda do imóvel. Ali não é possível fazer nada, não há autorização para subir um prédio no local por exemplo", declarou ao UOL Esporte.

A ideia de Sérgio Santos Rodrigues é negociar o espaço e usar o dinheiro para o pagamento de dívidas na Fifa. Um débito que preocupa o dirigente é o do empréstimo do volante Denilson, ocorrido em 2016. Os mineiros devem R$ 5 milhões ao Al Wahda e não pagaram o valor na última cobrança da entidade que rege o futebol. Por isso, a equipe perdeu seis pontos na Série B do Campeonato Brasileiro 2020.

Cruzeiro