PUBLICIDADE
Topo

Setor 'seguro' em 2019, lateral direita se torna incógnita no Botafogo

Paulo Autuori, técnico do Botafogo - Vitor Silva/Botafogo.
Paulo Autuori, técnico do Botafogo Imagem: Vitor Silva/Botafogo.

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

08/07/2020 04h00

Setor do Botafogo que terminou em alta na última temporada, a lateral direita virou uma incógnita em General Severiano em 2020. Enquanto a cúpula analisa as situações de Marcinho e Fernando, Federico Barrandeguy busca mais espaço e há um acordo encaminhado pelo jovem Kevin, ex-Grêmio.

Convocado para a seleção brasileira em setembro, Marcinho encerrou 2019 como titular da equipe alvinegra e com atuações avaliadas positivamente. Porém, uma lesão ainda na pré-temporada afastou o jogador dos gramados e alterou planos.

Além disso, com contrato até dezembro, as negociações por uma renovação estão travadas e ele já esteve na mira de outros clubes, como o Corinthians.

Reserva de Marcinho em 2019, Fernando é outro a ter futuro indefinido no Alvinegro, mas a situação é um pouco diferente. Perto do fim do atual vínculo e podendo assinar pré-contrato com outra equipe, o lateral recebeu contatos de clubes europeus, como o Porto, de Portugal, que teria o objetivo levá-lo para a equipe B e fazer uma transição natural para o elenco principal. O jogador gostaria que o Botafogo fosse recompensado, mas tem a informação que a transação só acontecerá caso seja um jogador livre no mercado da bola. Assim, não deverá prorrogar o contrato.

Enquanto isso, em meio aos testes realizados pelo técnico Paulo Autuori, o uruguaio Federico Barrandeguy, que chegou ao Glorioso em janeiro, ainda busca ganhar mais espaço. Até aqui, atuou em nove jogos e soma 488 minutos em campo. Contra o Fluminense, no último domingo, pela semifinal da Taça Rio, foi titular.

"Na segunda partida optei pelo Fernando, na terceira pelo Federico [Barrandeguy]. É uma lógica de raciocínio. Se eu desejo construir atmosfera minimamente justa, tenho que oportunizar para alguns jogadores mostrarem seu valor. Chegou esse ano, veio de fora, estrangeiro, tenho de entender e dar oportunidade. Respeito completamente a opinião de todos, analistas, torcedores e dirigentes, mas tenho que ter a minha visão. Só posso ter essa visão vendo o jogador. Vimos um jogador forte mentalmente, com suas características. Está crescendo nos treinos", indicou Autuori.

De olho no mercado e em busca de reforços para o Brasileiro, o Botafogo, no começo da semana, chegou a um acordo por Kevin, de 22 anos, que pertence ao Tombense e estava no Grêmio neste primeiro semestre.

Marcinho pronto para o Brasileiro?

Marcinho, lateral-direito do Botafogo, em atividade no Nilton Santos - Vitor Silva/Botafogo - Vitor Silva/Botafogo
Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Marcinho, que ainda não atuou em 2020, está em fase final de recuperação da grave lesão que teve no joelho direito. A expectativa é que ele possa estar à disposição de Paulo Autuori para a reta inicial do Campeonato Brasileiro, previsto para começar em 9 de agosto.

Sonho por Rafael, do Lyon

Rafael (dir) e Fábio (esq) foram revelados pelo Fluminense, mas nunca esconderam paixão pelo Botafogo - Reprodução Botafogo TV - Reprodução Botafogo TV
Rafael (dir) e Fábio (esq) foram revelados pelo Fluminense, mas nunca esconderam paixão pelo Botafogo
Imagem: Reprodução Botafogo TV

A diretoria alvinegra também traça planos para contar, a partir de 2021, com o lateral direito Rafael, que está no Lyon, da França. O jogador não esconde a vontade de, em breve, defender o Glorioso, seu clube do coração. O atual vínculo dele vai até o meio do ano que vem.

Em recente entrevista ao UOL Esporte, Rafael admitiu que houve um contato inicial e falou sobre a possibilidade de transferência, garantindo que quer se aposentar no Botafogo.

"Se eu estiver bem no Botafogo, vou querer me aposentar lá. Pode ter certeza que, a partir do momento que voltar ao Brasil, não vou querer voltar para a Europa. Isso eu garanto. Por isso que falo que quero pensar. Porque, a partir do momento que voltar, quero que seja definitivo. Encerrar no Botafogo é o meu pensamento", disse.

Botafogo