PUBLICIDADE
Topo

Son e Lloris, do Tottenham, brigam após lance e são separados pelos colegas

Goleiro Lloris e o atacante Son, do Tottenham, brigam após o final do primeiro tempo da partida contra o Everton pelo Inglês - Reprodução/Twitter
Goleiro Lloris e o atacante Son, do Tottenham, brigam após o final do primeiro tempo da partida contra o Everton pelo Inglês Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

06/07/2020 18h26

Classificação e Jogos

O goleiro Hugo Lloris e o atacante Son, do Tottenham, se estranharam após o apito final do primeiro tempo no confronto contra o Everton pelo Campeonato Inglês.

O francês saiu do gol e foi cobrar o sul-coreano, que não gostou e começou a discutir. Lloris chegou a empurrar Son até que os colegas do elenco acabaram com a confusão.

Ainda assim, o goleiro apareceu visivelmente irritado e continuou xingando Son, que foi para o vestiário. No retorno ao segundo tempo, já na entrada do vestiário, a dupla se cumprimentou e fez as pazes.

Em entrevista após o jogo, Lloris disse que a briga entre eles "pertence ao vestiário".

"O que aconteceu entre nós é uma coisa que pertence ao futebol às vezes. Não há problema nenhum, após o jogo aparecemos felizes com a vitória", disse.

O goleiro ainda explicou que ficou irritado com o lance final do primeiro tempo, em que Son foi displicente em disputa de bola no ataque e perdeu a posse.

Na sequência, o atacante Richarlison finalizou sem marcação em um apagão momentâneo da defesa do Tottenham.

"Uns segundos antes do final do tempo, porque não fizemos a pressão [na marcação] correta. Isso me irritou, mas é parte do futebol", afirmou.

Já o técnico José Mourinho disse que a confusão é uma prova de que eles se "importam", mas admitiu que sentiu "culpado" já que pediu antes do jogo para os atletas mostrarem garra em campo.

Tottenham acabou vencendo o Everton por 1 a 0 e está em 8º no Inglês. Com a derrota, o time de Richarlison está em 11º.

Futebol