PUBLICIDADE
Topo

Polícia faz buscas no estádio do Barça em denúncia corrupção, diz jornal

Camp Nou antes de partida do Barcelona pela Liga dos Campeões - Susana Vera/Reuters
Camp Nou antes de partida do Barcelona pela Liga dos Campeões Imagem: Susana Vera/Reuters

Do UOL, em São Paulo

05/07/2020 13h06

A polícia da Catalunha esteve no Camp Nou, estádio do Barcelona, na última semana para coletar documentos em uma investigação que apura indícios de corrupção na gestão do clube, no caso que já está sendo chamado de "Barçagate".

Segundo reportagem publicada hoje pelo jornal "La Vanguardia", os investigadores foram atrás de contratos do clube com a empresa I3 Ventures, responsável por administras as redes sociais do Barça, em cumprimento a um mandado de busca e apreensão.

A suspeita é que o Barcelona tenha pago um preço muito acima do praticado no mercado pelo contrato e que executivos do clube teriam recebido comissão. Porém, até o momento, nenhum dirigente ou o clube foi formalmente denunciado à Justiça.

Além disso, teriam sido criadas contas falsas nas redes sociais para defender alguns diretores e criticar outros. Jogadores também foram alvos de ataques de perfis falsos.

A investigação surgiu após o ex-vice-presidente Emili Rousaud afirmar em entrevista à rádio RAC1 que "alguém enfiou a mão no caixa" do clube.

Em nota publicada em abril, o Barcelona negou as acusações de Rousaud, as quais classificou como "infundadas".

Barcelona