PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Inter procura substituto para Gustagol dentro e fora do elenco de Coudet

Treinador argentino tem estudado opções para compor elenco após saída de Gustavo - Ricardo Duarte/SC Internacional
Treinador argentino tem estudado opções para compor elenco após saída de Gustavo Imagem: Ricardo Duarte/SC Internacional

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

05/07/2020 04h00

O Internacional procura um substituto para Gustagol, negociado com o Jeonbuk Motors, da Coreia do Sul. Eduardo Coudet e a diretoria podem escolher entre três caminhos possíveis: contratar, eleger alguém do atual elenco para a vaga ou chamar jogador emprestado de volta. A decisão deve ser tomada ainda dentro do mês de julho, pensando no Campeonato Brasileiro.

A ideia do Inter é definir outro nome para ser substituto imediato de Paolo Guerrero, titular absoluto do time. O peruano é tratado como intocável, mas com inevitável desgaste físico pela idade.

O substituto de Gustagol tem sido debatido entre a diretoria e a comissão técnica há dias, desde o surgimento da proposta asiática. A primeira opção encontrada é fixar William Pottker na função de centroavante. Ex-jogador da Ponte Preta, ele tem sido elogiado pelo nível físico e aplicação nos treinos desde antes da pandemia. Tanto que começou a ganhar espaço pouco antes da suspensão da Copa Libertadores e do Campeonato Gaúcho.

Pesa contra Pottker, no entanto, as características físicas. O atacante tem força e velocidade, mas não se encaixa bem no papel de pivô, função bastante usada nos times de Coudet.

Outra alternativa encontrada pelo Inter foi chamar Pedro Lucas de volta. Aos 21 anos, o atacante revelado na base do clube gaúcho está emprestado ao Figueirense. A ideia do retorno do atacante ficou em último plano.

Por fim, a diretoria tem trabalhado para localizar no mercado da bola uma possível contratação. Coudet participa do processo com análise das características, mas tem a limitação financeira.

Sem dinheiro, o Internacional procura jogadores livres ou capazes de deixarem o atual clube sem custo. Este filtro tem dificultado o garimpo, mas não é visto como algo a ponto de inviabilizar tratativas.

"Vamos olhar o mercado, as possibilidades. Durante este período todo, o Inter planejou ano para ter resultado técnico e quem sabe resultado esportivo. O mundo mudou e agora estamos lutando para manter nosso elenco. Tem situações de mercado e o Gustavo foi uma", disse Rodrigo Caetano, diretor executivo de futebol do Inter.

O Internacional não atua desde 15 de março, quando venceu o São José-POA em jogo válido pelo Campeonato Gaúcho. Há nove semanas, o clube realiza treinos físicos em Porto Alegre — amparado por decreto municipal, e não tentou pelo menos duas vezes autorização para trabalhos com bola e com contato.

Futebol