PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro: Luxemburgo não conseguiu fazer Palmeiras andar com quatro atacantes

Do UOL, em São Paulo

02/07/2020 04h00

O técnico Vanderlei Luxemburgo vinha projetando o Palmeiras para atuar sem um meia de criação e com quatro atacantes, sendo Dudu o responsável por recuar para armar as jogadas do time. Com a possibilidade de saída do jogador, caso ela se concretize, o treinador poderá ter de rever o esquema ofensivo do clube paulista para o retorno do futebol.

No podcast Posse de Bola #39, o jornalista Mauro Cezar Pereira alerta que, caso Dudu realmente saia do Palmeiras, Luxemburgo não poderá alegar que seu esquema não deu certo apenas pela falta do camisa 7, já que nos jogos anteriores à parada devido à pandemia do novo coronavírus, a formação não funcionou dentro de campo.

"O Luxemburgo não conseguiu fazer esse time andar dessa maneira, com Luiz Adriano, com o Willian, com o Rony e o Dudu ali jogando como meia. Não funcionou. Até porque, não é o ponto forte do Dudu, o Dudu é um jogador para jogar perto da área, ali ele resolve, ali ele é diferente. Ele jogando vindo de trás e tudo, ele não tem tal característica. Ele tentou, ok, uma experiência, mas não funcionou", afirma Mauro Cezar (disponível no vídeo acima a partir de 50:57).

"Então, se amanhã ele disser. 'ah se tivesse os quatro ia ser uma maravilha', com base em que a gente pode achar isso? A tendência ali, inclusive, era um dos quatro espirrar, pelo que nós víamos nos jogos anteriores à parada do futebol, a tendência era um dos quatro não ficar no time. O Dudu e mais dois, eu imagino, se ele botar o Dudu no banco, aí seria brincadeira. Do ponto de vista técnico, não teria o menor sentido, embora sejam bons jogadores os outros três. Mas a coisa caminhava ali acho que em outra direção", completa o jornalista.

Mauro reforça que caso tenha a saída de Dudu, não será por causa dele que o time terá deixado de funcionar no esquema de Luxemburgo.

"É bom falar isso, porque se amanhã as coisas não forem bem em campo e alegar que só porque o Dudu saiu, por mais que ele seja importante, o técnico atual do Palmeiras não estava fazendo o time funcionar com esse quarteto, a coisa não estava andando. Então não dá para ter certeza de que iria funcionar depois, como também o contrário também não vale", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol