PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus: Ponte Preta identifica trio que testou positivo e afasta seis

Bruno Reis, Darnley e Luizão foram infectados e estão em quarentena; Cléber Reis, Roger e o preparador de goleiros Betão passarão por novos exames - Getty Images/EyeEm
Bruno Reis, Darnley e Luizão foram infectados e estão em quarentena; Cléber Reis, Roger e o preparador de goleiros Betão passarão por novos exames Imagem: Getty Images/EyeEm

Do UOL, em Sâo Paulo

30/06/2020 16h42

Classificação e Jogos

A Ponte Preta apresentou hoje os resultados de todos os testes de PCR realizados no final de semana com atletas e integrantes da comissão técnica para diagnosticar o novo coronavírus.

Inicialmente, cinco jogadores e um integrante da comissão técnica foram afastados da reapresentação do grupo, marcada para amanhã. No entanto, apenas metade da lista teve o diagnóstico positivo para a covid-19 — a outra metade passará por novos exames.

Diferentemente de outros clubes, a Ponte Preta identificou nominalmente quem foram os afastados. São eles: os zagueiros Luizão e Cléber Reis, os volantes Bruno Reis e Darnley, o atacante Roger e o preparador de goleiros Betão.

Da lista, Cléber Reis, Roger e Betão tiveram resultados negativos no PCR, mas aguardam um novo exame. O zagueiro e o preparador tiveram testes sorológicos inconclusivos, enquanto o atacante teve contato com uma pessoa próxima contaminada.

Dos outros três casos, apenas Bruno Reis apresentou sintomas, mas está bem. Luizão e Darnley testaram positivo, mas tiveram casos assintomáticos. Os três ficarão em quarentena.

"Importante ressaltar que, se contarmos apenas os casos positivos, temos três — Bruno Reis, Darnley e Luizão — que não foram infectados em Campinas. Nos outros três, nossa expectativa é que as contraprovas que ainda sairão descartem a contaminação", informou Roberto Nishimura, diretor médico da equipe.

"Nossa estratégia de fazer os exames mais próximos do dia da volta foi justamente para entrar no CT com segurança, pois temos nas mãos uma 'foto do dia' na qual estamos nos baseando", acrescentou.