PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Montenegro sugere que Botafogo e Fluminense joguem Paulistão em 2021

Carlos Augusto Montenegro discursa em reunião no conselho deliberativo do Botafogo -  Vitor Silva/Botafogo
Carlos Augusto Montenegro discursa em reunião no conselho deliberativo do Botafogo Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/06/2020 22h52

Classificação e Jogos

Membro do comitê gestor do futebol do Botafogo, Carlos Augusto Montenegro disse que sentiu, durante reunião com outros clubes, que o time alvinegro e o Fluminense estão sendo desprezados pela Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj). O dirigente sugeriu que as equipes procurem a Federação Paulista de Futebol (FPF) para disputarem o Campeonato Paulista na próxima temporada.

"Eu senti na reunião que a Federação do Rio de Janeiro não quer o Botafogo e o Fluminense. Talvez a gente tenha que pedir à Federação Paulista para disputar o campeonato estadual de São Paulo no próximo ano. Acho que os paulistas estão com a cabeça no lugar", declarou em entrevista ao Troca de Passes, do SporTV, hoje.

Montenegro ainda questionou o motivo dado pela Ferj para acelerar o retorno do futebol no estado - os clubes menores. O dirigente do Botafogo ressaltou a presença de um hospital de campanha ao lado do Maracanã, onde será o duelo entre Bangu e Flamengo, que marcará o retorno do Campeonato Carioca.

"Todos os países do mundo respeitaram uma doença super contagiosa, ninguém falou em treinos e jogos, e aqui se fala em protocolos, em terminar o campeonato para ajudar os clubes menores, como se só no Rio de Janeiro tivessem clubes menores. Uma falta de respeito às pessoas que estão enterrando mortos. (...) Fazer um jogo amanhã com um hospital de campanha do lado. Cada gol do Gabigol no Maracanã pode significar uma morte do lado", complementou.

UOL Esporte vê TV