PUBLICIDADE
Topo

Globo veta contrato do Brasileirão como garantia em empréstimos no exterior

O Corinthians conseguiu antecipar verba da negociação por Pedrinho; clubes brasileiros têm dificuldade para obter empréstimos - Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
O Corinthians conseguiu antecipar verba da negociação por Pedrinho; clubes brasileiros têm dificuldade para obter empréstimos Imagem: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Jeremias Wernek e Gabriel Vaquer

Do UOL, em Porto Alegre, e colaboração para o UOL, em Aracaju

31/05/2020 04h00

A TV Globo vetou clubes do Campeonato Brasileiro de vincularem o contrato dos direitos de transmissão como garantia em tomada de empréstimo no exterior. Diferentes times tentaram, nas últimas semanas, fechar contrato para aporte de dinheiro em virtude da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus.

O movimento financeiro com fundos do exterior passou a ser considerado pelos dirigentes depois de o Corinthians antecipar receita da venda de Pedrinho.

A tomada de empréstimos, com o contrato de TV como garantia, não é incomum. Agora, entretanto, a emissora entende que a pandemia deixa o Brasileirão sob risco. Assim, alienar contrato que pode não ser cumprido na íntegra se torna inviável.

O UOL Esporte ouviu dirigentes de diferentes clubes brasileiros relatando a dificuldade em relação às garantias para acordo com fundos de investimentos. Os grupos de fora do país passaram a ser procurados depois de negativas por parte de bancos brasileiros privados.

Futebol