PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Último jogo do Corinthians na Fazendinha teve Vampeta com Parreira no banco

Carlos Alberto Parreira na passagem pelo Corinthians em 2002, marcada pelos títulos da Copa do Brasil e do Rio-SP - Ernesto Rodrigues/Folhapress
Carlos Alberto Parreira na passagem pelo Corinthians em 2002, marcada pelos títulos da Copa do Brasil e do Rio-SP Imagem: Ernesto Rodrigues/Folhapress

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

29/05/2020 04h00

Vampeta no meio-campo, Gil no ataque e Fábio Luciano na defesa, com Parreira à beira do campo. Gol no fim, de Fabinho, que deu a vitória ao Corinthians em um amistoso disputado contra o Brasiliense. Esse foi o roteiro do último jogo do time alvinegro na Fazendinha, estádio localizado em sua sede social, no Parque São Jorge.

O jogo, que vai completar 18 anos em agosto próximo, foi disputado semanas depois da Copa 2002 e fez parte de uma série de amistosos do Corinthians antes da abertura do Campeonato Brasileiro de 2002.

O time alvinegro, àquela altura, já havia conquistado dois títulos na temporada, do Torneio Rio-SP e da Copa do Brasil, que teve justamente o Brasiliense como vice. No Brasileirão, chegaria até a final, mas perderia para o Santos de Diego e Robinho.

A última partida na Fazendinha, cujo nome oficial é Alfredo Schürig e foi comprada pelo Corinthians na década de 1920, acabou marcada por uma escalação de um time misto. Rubinho, por exemplo, era o goleiro. Parreira ainda optou pelos seguintes jogadores de linha: Rogério, Scheidt, Fábio Luciano e Kléber; Fabrício, Vampeta, Renato e Luciano Ratinho; Gil e Gilmar.

Já o último jogo oficial do Corinthians na Fazendinha aconteceu no começo de maio de 1999. O time alvinegro perdeu por 4 a 1 para o Mogi Mirim, em duelo válido pelo Paulistão daquele ano.

Depois de atuar na Fazendinha em 2002, o Corinthians manteve o Pacaembu como casa mais frequente, com jogos esporádicos no Morumbi, até 2008. Há seis anos, a equipe atua como mandante na Arena Corinthians.

A Fazendinha, porém, serviu como palco de treinos da equipe principal até 2010, quando o clube inaugurou o CT Joaquim Grava. O estádio do Parque São Jorge ainda recebeu as apresentações de Tevez, em 2005, e Ronaldo, em 2009.

Nos últimos anos, a Fazendinha recebeu jogos das equipes das categorias de base corintianas, além de partidas do futebol feminino do clube alvinegro.

Corinthians