PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro não paga custa processual e é julgado à revelia contra Paulo Bento

O português Paulo Bento foi treinador do Cruzeiro em 2016 - Pedro Vilela/Light Press/Cruzeiro
O português Paulo Bento foi treinador do Cruzeiro em 2016 Imagem: Pedro Vilela/Light Press/Cruzeiro

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

21/05/2020 09h10

O Cruzeiro foi julgado à revelia em um processo movido por Paulo Bento na Fifa, há duas semanas. O clube não tinha dinheiro para arcar com as custas processuais — avaliada em 60 mil francos suíços (R$ 355 mil na cotação atual). O Conselho Gestor até apresentou uma defesa na Fifa, mas sem o pagamento do valor, o documento foi automaticamente invalidado. O processo é graças a um acordo não cumprido com o técnico português.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Cruzeiro