PUBLICIDADE
Topo

Há 22 anos, Real quebrava jejum de 32 anos ao conquistar a Champions; veja

Real Madrid na final da Champions League em 1998 - Real Madrid/Colaborador
Real Madrid na final da Champions League em 1998 Imagem: Real Madrid/Colaborador

Do UOL, em São Paulo

20/05/2020 04h00

Em 20 de maio de 1998, o Real Madrid chegou ao título da Champions League e quebrou um jejum de 32 anos no torneio. Com um gol do atacante montenegrino Predrag Mijatovic, o time merengue bateu a Juventus por 1 a 0, na Arena Amsterdã, para garantir a sétima taça da principal competição de clubes da Europa.

Comandando por Jupp Heynckes, o Real entrou em campo com: Bodo Illgner, Christian Panucci, Fernando Hierro, Roberto Carlos e Manolo Sanchís; Fernando Redondo, Christian Karembeu, Clarence Seedorf e Raúl González; Fernando Morientes e Predrag Mijatovic. O time da Juventus era dirigido por Marcello Lippi, que escalou a seguinte formação: Angelo Peruzzi; Torricelli, Paolo Montero, Mark Iuliano e Gianluca Pessotto; Didier Deschamps, Edgar Davids, Angelo Di Livio eZinedine Zidane; Pippo Inzaghi e Alessandro Del Piero.

O jogo equilibrado entre as duas equipes fez com que a primeira etapa acabasse com um empate sem gols, que só viria mais tarde. Aos 22 minutos do segundo tempo, Mijatovic aproveitou uma sobra na área, driblou o goleiro Angelo Peruzzi e estufou a rede para colocar o Real Madrid na frente do placar.

O Real Madrid conseguiu administrar o resultado contra o grande time da Juventus e segurar a partida até o final, levando o título para casa após um jejum de 32 anos. O último título do espanhol havia sido em 1966, quando superou o Partizan Belgrado, da antiga Iugoslávia e atual Sérvia.

Naquele mesmo ano, o Real Madrid ganhou o Mundial de Clubes contra o Vasco, com um placar de 2 a 1.

Futebol