PUBLICIDADE
Topo

Lédio Carmona critica reunião entre clubes e governo e sugere 'Taça E Daí?'

Comentarista Lédio Carmona - Reprodução/SportTV
Comentarista Lédio Carmona Imagem: Reprodução/SportTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/05/2020 22h50

Comentarista do Grupo Globo, Lédio Carmona criticou a reunião entre os presidentes de Flamengo e Vasco com Jair Bolsonaro, ocorrida hoje, em Brasília. O jornalista afirmou que o momento para um encontro como este não poderia ser pior e sugeriu, ironicamente, a criação da 'Taça E daí?' para o retorno do futebol.

"Não precisa fazer pressão no Bolsonaro. O Bolsonaro é a favor de tudo o que eles querem: que a vida volte ao normal, que abra o comércio, que a vida volte a ser como era antes. Só que a vida não é como era antes, as coisas estão paradas, as pessoas estão morrendo. É uma tragédia que nunca aconteceu. É um novo normal que está mais para novo anormal. Não dá para fazer isso. [...] Acho lamentável que isso aconteça neste momento. Parece que ninguém está nem aí para nada. A necessidade de jogar bola é tão grande, por que não criar uma competição nova? Cria o Troféu 'E daí' e volta a jogar", declarou em participação no Troca de Passes, do SporTV.

O comentarista afirmou ainda que entende que os clubes estejam passando por grandes dificuldades, mas ressaltou que toda a população também está sofrendo com a pandemia, destacando os recordes negativos alcançados pelo Brasil hoje.

"Eu tento entender um pouco o lado dos clubes - por mais que hoje eles estejam completamente equivocados na sua postura. Os clubes precisam ganhar dinheiro, como todos os empresários que estão pendurados com a pandemia. Isso é um fato. Ninguém nega. A vida não está fácil para ninguém, muito menos para os clubes de futebol. Agora, se há um dia que não era para esta ação ter sido feita era hoje. Batemos todos os recordes da pandemia no Brasil. O recorde de novos casos em um dia, o recorde de mortos em um dia. Com todas as dificuldades que os clubes estão tendo, estão tendo que se virar, já que fizeram investimentos para uma temporada e o cenário é completamente diferente", disse.

UOL Esporte vê TV